a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Pedro Henriques- “Jogo ...

sábado , Abr. 10 2021
48

Jordi Bargalló- ...

sábado , Abr. 10 2021
62

Miguel Rocha - ...

sábado , Abr. 10 2021
37

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60149

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28102

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22474

Paço d'Arcos e Valongo ...

domingo , Set. 16 2018
1503

1.ª D – Dragões ...

domingo , Out. 16 2016
1645

Camp. Nac. Norte - 3.ª ...

segunda , Mar. 09 2015
1744

3 Massagista Essencial 2

163146163 4161391863891286 8367803788784443780 o

O FC Porto teve que suar para levar de vencida a Sanjoanense (2-3, foi o resultado final) com o tento dos dragões e que valeu os três pontos a surgir nos segundos finais do jogo, e que antecede uma pertença falta da equipa portista, numa jogada que acabou por ser muito contestada pelo banco dos alvinegros.
Deixamos aqui os momentos mais importantes deste jogo com imagens da Bola TV e edição da DN12.

Resumo do Jogo

Foto- AD Sanjoanense/ António Anacleto

3 massagista essencial Março

aacchc

A Académica de Coimbra recebeu e venceu o CH Carvalhos por 4-3 e apanhou a Sanjoanense (que perdeu no “João Rocha”) na classificação geral.
Um hat trick de Catarina Costa foi determinante para a formação orientada por Carlos Fernandes somar os três pontos em disputa frente a um Carvalhos que até ao final lutou sempre para somar pontos.
Ao intervalo registava-se um empate a uma bola. Segunda parte onde a Académica chegou ao 2-1 aos nove minutos.
Seriam nos últimos cinco minutos do jogo que haveria mais quatro golos, dois para cada lado.
Pela Académica marcaram Catarina Costa (3) e Carolina Gonçalves e do lado do Carvalhos Raquel Santos (2) e Teresa Morais foram as autoras dos golos.
Na próxima jornada a Académica de Coimbra recebe no Universitário n.º 3 o Sporting CP com o CH Carvalhos a receber no seu recinto o C Infante Sagres.

3 Curso de maquilhagem Março

danilo rampulla golo new

O SL Benfica recebeu no passado sábado o HC Turquel no jogo que abriu a 24.ª jornada do nacional da 1.ª divisão, com as águias a vencerem por 5-2.
Deixamos aqui os momentos mais marcantes deste encontro com imagens da BTV e edição da DN12.

Resumo do Jogo

2 Cabeleireiro Essencial Março

162639726 4159364614094011 7017447980213855023 o

A equipa feminina do Sporting CP recebeu e venceu no passado sábado a AD Sanjoanense por 6-1 rferente à 7.ª jornada da segunda fase do nacional feminino e mantem a perseguição cerrada ao líder SL Benfica.
Ao intervalo o Sporting vencia já por 3-0 (golos de Rute Lopes, Rita Lopes e Ana Ferreira) e na segunda parte manteve o domínio da partida chegando ao 5-0 aos 10 minutos deste segundo período (com os tentos a serem da autoria de Rute Lopes e Inês Florêncio). Inês ferreira ainda reduziu mas Rute Lopes fechou a contagem aos 21 minutos.
Triunfo que mantem as leoas com os mesmos pontos que o SL Benfica (embora estes com menos um jogo).
Na próxima jornada o Sporting CP desloca-se ao recinto da Académica Coimbra com a Sanjoanense a voltar a jogar fora de portas, desta feita a deslocar-se ao Pavilhão da UD Vilafranquense.

Foto- AD Sanjoanense/ Ana Mar

2 Barbeiro Março

163561675 4161392817224524 7462487484622694893 o

Foi já nos segundos finais da partida frente à Sanjoanense, no recinto destes que o FC Porto garantiu o triunfo por 2-3, com Reinaldo Garcia a ser o autor do golo que valeu os três pontos aos dragões mantendo assim a liderança isolada dos azuis e brancos no nacional da 1.ª divisão.

A equipa portista entrou bem no encontro e ganhou vantagem através do suspeito do costume: Gonçalo Alves abriu o ativo em São João da Madeira logo aos quatro minutos, mas o argentino Facundo Navarro empatou para a Sanjoanense pouco depois (7m) e o 1-1 perdurou mesmo até ao intervalo, ainda que o FC Porto tenha naturalmente aumentado a pressão.

A Sanjoanense foi mais assertiva após o reatamento e consumou a reviravolta no marcador com um golo de João Lima (39m), mas o FC Porto não se rendeu e respondeu na mesma moeda: Carlo Di Benedetto assinou o 2-2 (45m) e relançou a partida, que não terminaria sem mais uma reviravolta. O capitão Reinaldo García apontou o caminho do triunfo ao fazer o 3-2 a apenas 17 segundos do fim.

O FC Porto volta a entrar em campo no dia 27 de março (sábado), às 15h00 (FC Porto TV/Porto Canal), frente ao HC Tigres, no Dragão Arena, enquanto a AD Sanjoanense desloca-se ao “Zé Natário” em Viana do Castelo onde defrontará a Juventude de Viana em jogos da 25.ª jornada do campeonato.

Fonte/ FC Porto * Foto- AD Sanjoanense/António Anacleto

1 UnhasGEl16H Março

163430638 5539670376050667 527008754057019698 o

O Sporting CP foi ao Parque das Tílias vencer o aflito Riba D´Ave HC por 3-7.
Até foi o conjunto da casa a inaugurar o marcador mas com o correr dos minutos o maior potencial individual da formação leonina acabou por vir ao de cima e confirmar em rinque o favoritismo que lhe era atribuído.
Deixamos aqui os melhores momentos deste encontro, com imagens do Riba D´Ave HC e edição da DN12.

Resumo do Jogo

Foto- Riba D´Ave HC/ Afonso Ferraz

1 Esteticista Inicial Março

8ea4e32c 72ce 4d5e bdea d6d21fee06d1

No final da partida, que terminou com triunfo da equipa principal de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal por 3-7 sobre o Riba d'Ave HC, Paulo Freitas, treinador dos Leões, mostrou-se satisfeito com a partida e com o resultado.

"Foi um encontro bem disputado contra uma equipa de miúdos que nos obrigou a trazer para jogo as nossas melhores soluções. Não entrámos bem, mas retificámos a meio da primeira parte e construímos uma vantagem interessante. No segundo tempo, acabámos por gerir aquilo que tínhamos conquistado. Foi, acima de tudo, uma vitória justa que nos permite sair com boas sensações", começou por dizer o técnico em declarações ao Jornal Sporting.

"O objectivo principal era somar os três pontos. Em desvantagem acabámos por nos expor mais e o jogo teve demasiadas transições, mas fomos competentes. Saímos satisfeitos e continuamos o nosso caminho", sublinhou o treinador Leonino, olhando já para o jogo de quarta-feira, o sexto neste exigente mês de Março para a equipa Leonina.

"Agora o foco já está no próximo jogo e o importante é recuperar os jogadores, porque para a semana voltamos a jogar na quarta-feira e no sábado, tal como nesta semana. Só pensamos nos três pontos frente ao HC Turquel", concluiu.

Fonte/Foto- Sporting CP

6 Unhas Gel 25H Março

120323604 1507474906110821 6075775163641869875 o

A Oliveirense venceu o HC Braga por 4-3 em partida referente à 24.ª jornada do nacional da 1.ª divisão e disputado no “Dr. Salvador Machado”.
Um jogo onde a equipa orientada por Paulo Pereira entrou melhor e chegou ao 2-0. Um bis de Marc Torra (aos 4 3 9 minutos) deixava a equipa da Oliveirense mais confortável no jogo. A resposta do Braga chegou aos 22 minutos por Ângelo Fernandes na marcação de um LD, reduzindo para 2-1.
A exemplo do que acontecera no primeiro período a Oliveirense voltou a ser mais eficaz e faz o 3-1 aos 12 minutos por Vítor Hugo. Marc Torra aos 18 minutos elevou para 4-1, assinando aí o seu hat trick no jogo, e deixando o triunfo praticamente garantido.
Entretanto o Braga não baixou os braços foi à procura de ser feliz e nos últimos minutos chegou ao 4-3 com golos de Ângelo Fernandes (de GP) e Gonçalo Meira, insuficientes no entanto para chegar, no mínimo ao empate.
Um triunfo justo da Oliveirense perante um Braga inconformado e que procurou surpreender a formação da casa, valendo a estes a assertividade do espanhola Marc Toora, que acabou por ser influente no triunfo da formação de Oliveira de Azeméis.
A Oliveirense mantem a 5.ª posição, agora com 48 pontos (tem menos um jogo), menos um que a equipa que segue imediatamente acima na classificação geral, o SL Benfica.
O HC Braga desceu ao 11.º lugar, soma 23 pontos e na próxima ronda recebe o SL Benfica, com a Oliveirense a deslocar-se ao recinto do OC Barcelos.

Foto- UD Oliveirense (Arquivo)

6 Tecnico Massagem Março

festejos 1 new

O Benfica venceu o Infante Sagres em jogo da 7.ª jornada da 2.ª fase do Campeonato Nacional de hóquei em patins feminino. Segue-se receção ao CA Feira.

O Pavilhão Fidelidade foi nesta noite de sábado palco do jogo da 7.ª jornada da 2.ª fase do Campeonato Nacional de hóquei em patins feminino. O Benfica recebeu e venceu o Infante Sagres por taxativos 6-1.
Após o triunfo convincente no dérbi frente ao Sporting, que catapultou a equipa feminina de hóquei em patins do SL Benfica para a liderança do Grupo 1 da 2.ª fase do Campeonato Nacional, as águias entraram em quadra motivadas e plenas de ambição.

Frente ao 5.º classificado da geral, começo forte das comandadas de Paulo Almeida, com o primeiro golo a surgir aos 8' através do stick de Marlene Sousa. Agustina Fernández (18') fez o 2-0, resultado escasso com que se atingiu o intervalo.

No reatar, finalmente os golos a darem volume à exibição. Flor Felamini (27'), Maria Sofia Silva (29'), Sofia Contreiras (37') e Beatriz Figueiredo (38') assinaram os tentos das águias. Muito perto do fim, aos 48', tempo ainda para o golo de honra da formação oriunda do Porto, a sentenciar o resultado num 6-1 final.

Na próxima jornada (8.ª) a formação comandada por Paulo Almeida, agora com 18 pontos na liderança da classificação, recebe o CA Feira.

Fonte/Foto- SL Benfica

5 Cabeleireiro Inicial Março

163175914 5539670072717364 8731206654411235938 o

A equipa principal de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal visitou e bateu, este sábado, o Riba d'Ave HC por 3-7 no jogo da 24.ª jornada da fase regular do Campeonato Nacional. Com o triunfo no seu quinto jogo de sete em Março, a formação de Paulo Freitas segue com sete jogos consecutivos sem perder.

Na pista do Riba d'Ave HC foram os Leões a dispor da primeira oportunidade, mas no frente-a-frente Toni Pérez não conseguiu inaugurar o marcador. Na outra baliza, o Riba d'Ave HC beneficiou de uma bola parada que seria desperdiçada, mas seria mesmo a formação nortenha a assumir a frente do marcador aos dez minutos.

Por usa vez, o conjunto de Alvalade não cedeu e foi à procura do resultado de forma implacável. Em minutos frenéticos, Ferran Font fez o 1-1 e pouco depois foi Alessandro Verona a desviar para o golo, consumando a reviravolta. A voragem ofensiva dos Leões não cessou e no minuto seguinte voltaria a ser o italiano a assinar novo tento
verde e branco, desta vez após grande jogada individual.
Soltos na frente e com a mira sempre na baliza adversária, os Leões continuaram intensos e muito eficazes nos minutos seguintes. Primeiro, Ferran Font ficou perto de bisar de imediato, mas valeu a defesa atenta de Miguel Rocha, no entanto, em cima dos vinte minutos, seria Alvarinho a fazer o 1-4, aumentando a vantagem Leonina. A um minuto do intervalo, Gonzalo Romero assinaria o 1-5 que fechou a primeira parte.

A irreverente equipa do Riba d'Ave HC entrou da melhor maneira no segundo tempo, reduzindo a diferença no marcador através de João Pedro, mas rápida foi também a resposta Leonina. Através de uma bola parada, Gonçalo Nunes bateu forte para o 2-6.

Apesar da vantagem verde e branca, eram os Leões que continuavam mais perigosos no ataque. Gonzalo Romero ficou perto do bis ao atirar ao poste numa bola parada, mas aos 39 minutos Alvarinho faria mesmo o seu segundo golo na partida. Do outro lado do rinque, o Riba d'Ave sentia muitas dificuldades para ferir o Sporting CP, cuja defesa é a menos batida do campeonato – 49 golos sofridos no final desta partida.

A menos de três minutos para o fim, o conjunto nortenho conseguiu fazer o terceiro, mas os três pontos já não escapariam à turma de Alvalade. Com este resultado, os Leões de Paulo Freitas somam o segundo triunfo consecutivo, ambos fora, e atingem os 50 pontos em 22 jogos.

Fonte- Sporting CP * Foto- Facebook Riba D´Ave HC/ Afonso Ferraz

5 Barbeiro Completo Março

hctocb

O OC Barcelos certamente não esperaria trabalho aturado na deslocação do já despromovido HC “Os Tigres”. Uma vitória dos minhotos por 4-5 numa partida onde a equipa de Rui Neto viu mesmo a formação ribatejana chegar ao empate já na segunda metade valendo na ocasião Gimenez que de LD fez o golo que garantiu os três pontos ao conjunto de Barcelos.
Paolo Dias, do Tigres esteve em evidência neste jogo ao fazer um “hat trick” no entanto insuficiente para a sua equipa somar pontos.
Foi o jovem jogador do Tigres a inaugurar o marcador aos 6 minutos, mas a resposta do Barcelos não de fez esperara e até aos 11 minutos confirmou a remontada chegando ao 1-3 (com golos de Dário Gimenez e um bis de Miguel Rocha). O Tigres respondeu no minuto seguinte reduzindo para 2-3, por Paolo Dias, mas ainda antes do intervalo, já no decorrer do minuto final do primeiro tempo, Zé Pedro aumentou para 2-4.
Um Tigres irreverente e sem nada a perder entrou para a segunda parte com “ganas” e aos 6 minutos reduziu para 3-4 por Diogo Alves. O empate a 4 bolas chegou aos 9 minutos por Paolo Dias na conversão de um LD. Após exclusão por Azul de Reinaldo Ventura.
O inevitável Miguel Rocha no minuto seguinte colocaria novamente o Barcelos a vencer, fazendo então o 4-5.
Até final ainda uma oportunidade de o OC Barcelos poder dilatar o marcador mas Dário Gimenez a desperdiçar um LD com o resultado a manter-se assim até ao final.
O OC Barcelos mantem a segunda posição agora com 57 pontos (os mesmos que o FC Porto, mas com estes a ter menos um jogo realizado), e na próxima jornada recebe a UD Oliveirense. Já o HC “Os Tigres” deslocam-se ao Dragão Arena onde defrontarão o atual líder, o FC Porto.

4 manicure pedicure Março