a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

AP Porto vence o ...

segunda , Fev. 24 2020
3

AP Ribatejo realiza ...

segunda , Fev. 24 2020
22

Sorteio da Taça de ...

segunda , Fev. 24 2020
30

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
58236

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26133

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20798

Parede FC - Gonçalo ...

quarta , Jul. 20 2016
1173

2.ª Div. Sul: Académica ...

domingo , Mar. 06 2016
1270

Segunda vitória dos ...

segunda , Jul. 31 2017
817

interioresCabeleireiro ESS Q

78423675 1455145881329522 7338792889050202112 o

Está de volta a Liga Europeia de hóquei em Patins. Este sábado, às 19h45 nos arredores de Milão, HRC Monza e FC Porto Fidelidade defrontam-se na quarta jornada do grupo B. Portugueses e italianos encontram-se separados por apenas três pontos, pelo que esta partida assume um carácter decisivo nas esperanças de qualificação para ambos os conjuntos. Em caso de vitória no difícil pavilhão de Monza, os Dragões estão automaticamente apurados para os quartos-de-final.
Sergi Miras antevê um adversário “muito diferente daquele que veio ao Dragão” e que irá receber os campeões portugueses numa “pista escorregadia”. O defesa/médio espanhol assegura que não se pode "entrar a 50% porque o jogo é muito importante”.

Obrigatório dar cem por cento
“O Monza é uma equipa forte. Acho que aqui (Dragão Arena) fizemos um bom jogo. No campeonato italiano e na sua pista todos os jogos deles têm sido muito equilibrados. As equipas não conseguem fazer bons resultados lá. É muito importante trazermos os três pontos para acabar a fase de grupos da Liga Europeia no primeiro lugar e termos vantagem nos quartos-de-final. A equipa está muito focada porque é um jogo muito importante e não podemos entrar a 50% porque o jogo é muito importante.”

Foco em Monza, a primeira mão já passou
“Sabemos que é uma pista escorregadia. Temos o exemplo do Noia, uma grande equipa, que só conseguiu trazer um empate de lá. É importante sabermos que o Noia não conseguiu ganhar lá e nós temos de entrar muito concentrados porque é muito importante, na Liga Europeia, passarmos em primeiro lugar do nosso grupo. Não podemos entrar menos focados por termos ganho com uma grande diferença (10-1). Não há que pensar no jogo do Dragão Arena, apenas nos 50 minutos em Monza.”

Primeiro lugar é objetivo na época
“Se conseguirmos os três pontos temos grandes possibilidades de terminar em primeiro lugar do grupo. Esse era o objetivo da equipa no início da época e acho que vamos encontrar um Monza muito diferente daquele que veio ao Dragão. Há muitas equipas que têm dificuldades em jogar na nossa casa, aqui nós jogamos com muita intensidade e há adversários que não conseguem aguentar o ritmo. Agora é completamente diferente, vamos jogar no pavilhão deles e as melhores equipas de Itália não conseguem bons resultados naquela pista porque eles ali são muito mais fortes. Preparámos bem o jogo e vamos com muita vontade de conseguir os três pontos.”

Fonte/Foto- FC Porto

6Sexta

deolho no apito

A FPP publicou a lista de nomeações para os jogos oficiais a decorrer entre este sábado (dia 15) e a próxima sexta feira (dia 21), e onde se destaca o inicio das campeonatos nacionais dos mais jovens.

Nomeações

6Sexta

Nuno Domingues

SC Marinhense recebe o Famalicense AC, este sábado às 17h00, na 17ª jornada do Campeonato Nacional da segunda Divisão.
Segundo e primeiro classificado, respetivamente, do campeonato enfrentar-se-ão este sábado na Embra. Na antevisão ao encontro o técnico Nuno Domingues espera um adversário motivado.

Jogo do ultimo sábado
O jogo do último sábado em Vale de Cambra foi um jogo menos conseguido da nossa parte em termos ofensivos, onde demonstramos alguma dificuldade em atacar com qualidade, fomos muito previsíveis com pouca intensidade e fruto disso demos muitas transições ao adversário e foi num momento desses que permitimos que o Cambra chegasse a vantagem, vantagem que não conseguimos anular na parte final.
Não passa de ser apenas a perda de 3 pontos que nos custou a liderança, estamos cientes que ainda falta muito jogo e que estamos dependentes de nós próprios para atingir os nossos objectivos.

Preparação da equipa
A preparação está a correr da maneira que esperava, apesar da derrota do último sábado os atletas tem demonstrado vontade em mudar o momento menos conseguido que atravessamos e tem seguido o plano elaborado mediante o adversário que vamos enfrentar.

O adversário
O Famalicense é neste momento o líder e vem jogar a Marinha super motivado e a atravessar um bom momento. Na primeira volta conseguimos vencer num jogo extremamente complicado.
Equipa experiente e muito bem orientada pelo Vítor Silva com princípios de jogo bem definidos e que certamente nos vai trazer muitas dificuldades.

O apoio dos adeptos
Será sempre importante e nesta altura ainda mais, quando algo corre menos bem e importante sentir ainda mais o apoio dos nossos adeptos.

Fonte/Foto- SC Marinhense

5Quinta

euroliga

No próximo sábado disputa-se a 5.ª e penúltima jornada da Liga Europeia de Clubes com quatro emblemas lusos a lutarem por um lugar de acesso aos quartos de final da prova, e com a particularidade de as quatro jogarem fora de portas.
Uma jornada decisiva para as equipa portuguesas em que nenhuma delas tem ainda garantida, matematicamente falando, a passagem aos quartos de final mas que podem carimbar já a continuidade à fase seguinte da competição.

Sporting com vida dificil
No Grupo A onde está inserida a equipa do Sporting CP, atual campeã europeia, a formação leonina ficou a marcar passo nas duas ultimas rondas onde empatou e perdeu com o Réus, deixando-se ultrapassar pela formação catalã e terá nesta jornada jogo complicado frente ao Amatori Lodi, de Nuno Resende.
Partida com grau de dificuldade acrescida para o conjunto orientado por Paulo Freitas que viaja até Itália onde terá que se haver com o actual líder do grupo, que soma mais dois pontos.
Uma derrota da formação lusa ditará praticamente a saída da prova já que o Réus nesta jornada defronta os franceses do HC Quevert, ainda sem qualquer ponto averbado, sendo claramente favorita a vencer, com o triunfo a ser o único garante para o objetivo dos leões nesta edição da prova, uma vez um empate poderá não chegar ficando então dependente do resultado da ultima jornada entre Réus e Lodi.

FC Porto com porta entreaberta
A equipa azul e branca que lidera o Grupo B com 9 pontos, viaja até terras transalpinas onde defrontará o HRC Monza que segue na terceira posição com 7 pontos.
Os Dragões que golearam na primeira volta por 10-1, são favoritos, mas enfrentarão um conjunto que joga a cartada final para manter-se em prova.
Uma vitória do FC Porto carimba já a passagem à fase seguinte e mesmo um eventual empate deixa o caminho, ainda assim aberto, já que a formação de Cabestany recebe no Dragão Arena a equipa helvética do RC Biasca na última jornada, onde os dragões são claros favoritos frente ao ultimo classificado, sem qualquer ponto averbado.

Águias a um passo dos quartos de final
A equipa de Alejandro Dominguez viaja até à Alemanha onde defrontará o SK Germania Herringen, ultima classificada do Grupo C.
Jogo onde a formação do SL Benfica entra como clara favorita onde com menos ou mais dificuldades deverá somar os 3 pontos, que a acontecer lhe garantem praticamente a passagem aos quartos de final, isto porque o Hockey Sarzana que segue a três pontos dos encarnados viaja até ao Palaugrana defrontam o Barcelona claro favorito na partida (a não ser que aconteça uma surpresa).
Um triunfo do Benfica e do Barcelona encerram as contas deste grupo no que diz respeito à passagem à fase seguinte da prova. A não acontecer essa conjugação de fatores, o Benfica terá então que somar pontos na última ronda onde recebe o Sarzana, equipa que na primeira volta o Benfica venceu por 7-2 fora de portas.

Oliveirense com tudo para seguir em frente
A equipa da UD Oliveirense, lidera, a par do Deportivo Liceo o Grupo D (ambas com 9 pontos) desloca-se a França onde enfrenta a equipa do SCRA Saint Omer. Jogo certamente com grau de dificuldades acrescida, mas onde a equipa de Renato Garrido tem argumentos para somar os três pontos em disputa. De recordar que o Forte dei Marmi empatou naquele recinto, por isso todo o cuidado será pouco para não ser surpreendido.
Um triunfo da formação da Oliveirense carimba, a uma jornada do final a passagem aos quartos de final da competição, já que o Deportivo Liceo recebe no Riazor os italianos do Hockey Forte numa partida onde qualquer que seja o resultado afastará logo uma destas equipas da prova.

Enfim, uma jornada onde as formações lusas entram motivadas e com ambições naturais e fundamentadas para poderem estar na fase seguinte da competição. Para isso apenas se pede -vitória- em qualquer dos quatro rinques onde Sporting CP, FC Porto, SL Benfica e UD Oliveirense estarão representados.

5.ª Jornada
Grupo A
HC Quevert – Reus Deportiu
Amatori Lodi- Sporting CP
Grupo B
RC Biasca – CE Noia
HRC Monza – FC Porto
Grupo C
SK Germania Herringen – SL Benfica
FC Barcelona – Hockey Sarzana
Grupo D
SCRA Saint Omer – UD Oliveirense
Deportivo Liceo – GSO Hockey Forte

5Quinta

49518367758 e55ac02378 c

A Seleção da AP Porto conquistou a edição 2020 do Torneio Internacional Inter Associativo, em Sub-15, que este ano foi organizado pela AP Minho e que se disputou no passado fim de semana no Pavilhão Municipal de Barcelos, tendo tido a presença das Seleções distritais do Porto, Minho, Aveiro e Galega.
A seleção da AP Porto acabou por vencer este torneio somando por triunfos os jogos realizados.
Em segundo lugar ficou a Seleção Galega que somou 6 pontos seguido da AP Minho e a AP Aveiro, ambas com um ponto.
Nota de referência nesta época 2019-2020 para o facto da Seleção de Sub-15 da AP Porto ter feito o pleno nos Torneios que estas quatros seleções estiveram envolvidas ao vencer os torneios de Natal (em S. Pedro do Sul, pala AP Aveiro), dos Reis (em Valongo, pela AP Porto) e este de Carnaval.
Ficam aqui os resultados e classificação final deste Torneio

1.ª Jornada
AP Minho 3 AP Porto 7
AP Aveiro 6 Seleção Galega 8


2.ª Jornada
AP Minho 2 AP Aveiro 2
AP Porto 2 Seleção Galega 0

3.ª Jornada
AP Minho 5 Seleção Galega 7
AP Porto 2 AP Aveiro 0

Classificação
AP Porto – 9 Pontos (11/3)
Seleção Galega – 6 Pontos (15/13)
AP Minho – 1 Ponto (10/16)
AP Aveiro – 1 Ponto (8/12)

Fonte- www.hoqueiminhoto.blogspot.com  * Foto- Sara Ferreira

4Quarta

udvcdb

A UD Vilafranquense recebeu no “José Mário Cerejo” o CD Boliqueime numa partida onde se jogava o 1.º lugar com a formação de Vila Franca de Xira a conseguir somar os três pontos fruto da vitória pela margem mínima de 3-2.
Jogo intense, equilibrado, com reviravoltas no marcador e onde até ao final esteve sempre presente a incerteza no resultado.
Boa dinâmica de jogo, boas jogadas individuais e coletivas, muita luta e entrega das duas equipas, tendo a vitória sorrido ao UD Vilafranquense que durante o encontro foi a equipa mais assertiva.
Ao intervalo registava-se uma vantagem de 1-2 para a equipa algarvia, com os golos a serem apontados por Duarte Garção que fez o 1-0 e a reviravolta a acontecer na fase final do primeiro tempo, com os golos de Mauro Ferreira e Pedro Silva.
Alexandre Andrade aos 5 minutos da etapa complementar empatou a duas bolas. Márcio Aldeagas teve a oportunidade de poder colocar novamente os forasteiros em vantagem mas desperdiçou um LD (10.ª falta da UDV) e é o Vilafranquense que confirma a “remontada” ao fazer o 3-2 por Duarte Garção, corria então o minuto 15.
Últimos minutos de maior assédio à baliza de Fábio Guerra mas o resultado já não se alteraria.
Triunfo apertado mas que acaba por se aceitar muito pela eficácia da equipa de João Graça.
Após esta jornada 15 a UD Vilafranquense divide a liderança com o CD Paço Arcos “B”, ambas com 34 pontos, o CS Marítimo vem logo a seguir com 32, e a formação do Boliqueime ocupa agora a 4.ª posição com 31 pontos.
Próxima jornada com um escaldante CD Paço Arcos “B”- UD Vilafranquense a disputar-se no “Casablanca”.

Foto- CD Boliqueime

4Quarta

CAF SC MARITIMO FEVEREIRO 2020

A equipa o Clube Académico da Feira viajou até à Cidade de Ponta Delgada, onde defrontou o HC PDL com o triunfo a sorrir ao conjunto de Alexandre Saraiva por 5-1.
Numa primeira parte onde o equilíbrio imperou, embora com a equipa visitante ser mais perigosa, o resultado ao intervalo registava 1-2 para os visitantes.
Segunda metade com a equipa do Feira a mandar no jogo e a conseguir mais três golos que lhes garantiu um triunfo tranquilo e justo.
Pelo HC PDL marcou Pedro Soares e do lado do CA Feira Brun0o Fernandes assinou “hat trick” com os outros dois tentos a serem da autoria de Tibério Carvalho e António Silva.
Após esta jornada o CA Feira lidera isolada com 35 pontos, mais 4 que o Marítimo SC (Açores), mas com estes a somarem mais cinco jogos já realizados, seguindo-se na terceira posição o HC Mealhada com 29 pontos (e mais um jogo realizado).
Na próxima jornada o HC PDL desloca-se ao recinto do Leiria e Marrazes, com o CA Feira a receber no Pavilhão da Lavandeira o UF Entroncamento.

Foto- Diário da Feira (Arquivo)

4Quarta

HC Maia 10Fev 768x505

Ao triunfar no recinto do HC Paço de Rei por 8-1 a equipa do HC Maia assumiu a liderança da zona norte a par do CP Póvoa, ambas com 34 pontos, ultrapassando o Lavra (soma 33) que nesta jornada 15, folgou.
Entrada mais assertiva do conjunto maiense que aos 9 minutos vencia já por 0-3.O Paço de Rei reduziria mas ainda antes do intervalo o Maia voltaria a marcar, com as equipas a recolherem para o descanso com o placard a registar 1-4.
Segundo tempo com domínio da formação visitante que marcaria por mais quatro vezes, materializando em golos esse domínio exercido em rinque nestes últimos 25 minutos.
Os marcadores dos oito golos do HC Maia foram Tó Cruz (3), Tó Costa (2, André Matos, Álvaro Pinto e Pedro Ferreira. O golo de honra do HC Paço Rei pertenceu a Carlos Mata.
O HC Maia na próxima jornada recebe o CD Póvoa, naquele que será, garantidamente o jogo mais mediático desta zona norte da 3.ª divisão.
Quanto ao HC Paço de Rei, que atualmente ocupa a penúltima posição, com 3 pontos jogará novamente no seu recinto onde receberá o HC Santa Cruz, que está na ultima posição com os mesmos pontos.

Foto- Facebook HC Maia

4Quarta

5c78c54e 5b67 4b6f b375 450ce21d222a

Em partida em atraso referente à 12.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins feminino, o Sporting Clube de Portugal recebeu e bateu o o CI Sagres por 9-0, em partida disputada no sábado.
O marcador foi inaugurado por Adriana Gutiérrez aos sete minutos, tendo o CI Sagres respondido bem nos momentos que se seguiram. A superioridade verde e branca foi, ainda assim, ganhando cada vez mais força e as Leoas de Andreia Barata viriam a marcar ainda mais dois golos antes do intervalo: Sofia Moncóvio fez o 2-0 aos 17 minutos e Ana Catarina Ferreira aumentou a contagem pouco depois. Assim, o Sporting CP terminou a primeira parte a vencer por 3-0.
No segundo tempo só deu Sporting CP. Com um domínio avassalador, Adriana Gutiérrez apontou o 4-0 e Rita Lopes conseguiu um hat-trick em menos de um minuto, aumentando o fosso para sete golos. Tânia ‘Pulga’ Freire e Inês Florêncio também fizeram o gosto ao stick e o resultado final ficou fixado nos 9-0.
No entanto disputaram alguns dos jogos da 18.ª jornada com o CH Carvalhos a golear o CR Antes por 18-1, o C Infante de Sagres recebeu e venceu a UDC Nafarros por 5-3, a AD Sanjoanense foi a Arazede vencer a equipa local por 7-0 e o CA Campo Ourique, a jogar no seu recinto, levou a melhor sobre a APAC Tojal por 4-2. Ainda desta ronda já se tinha realizado (a 31 de janeiro) o Sporting CP- A Académica Coimbra co a equipa leonina a vencer então por 5-4 faltando disputar o encontro C Académico da Feira- SL Benfica que se realiza no próximo dia 16 de fevereiro.
O Sporting CP lidera o campeonato com 45 pontos, mais 3 que o SL Benfica, embora as águias tenham ainda dois jogos para realizar.

Fonte/Foto- Sporting CP

3Terça

84837464 2590964834449408 2067651712184745984 o

Um golo apontado ao cair do pano acabou por garantir a vitória da BIR frente ao Sesimbra por 6-5, em Valado dos Frades, em jogo que contou para a 16.ª jornada do nacional da 2.ª divisão e que mantem assim acesa a chama da subida para a formação do Concelho da Nazaré.
Um jogo intenso com reviravoltas no marcador e que ficou marcado pelo golo do BIR nos segundos finais do encontro e que garantiram o triunfo da equipa de Valado dos Frades, mantendo-a na luta pelo segundo lugar da classificação geral.
Começou da melhor maneira para o BIR que viu Rafael Monteiro inaugurar o marcador logo ao minuto três. O Sesimbra empatou aos 6 minutos por intermédio de Marcelino numa fase onde a equipa valadense que viu dois dos seus jogadores a serem expulsos nesse período, obrigando-a a jogar largos minutos em inferioridade numérica. Ainda assim Luís Silva voltou a colocar a formação da casa em vantagem que seria anulada aos 18 minutos por Ricardo Lopes, que empatou a duas bolas, resultado que se manteve até ao intervalo.
O Sesimbra entrou melhor na etapa complementar com Ricardo Lopes a fazer o 2-3 logo aos três minutos. Rafael Monteiro respondeu com o empate no minuto seguinte, mas mais uma vez a eficácia da equipa visitante foi notória com Frederico Nascimento a colocar mais uma vez o Sesimbra na frente do marcador quando assinou o 3-4.
Seria já na fase final do encontro que o conjunto orientado por Honório conseguiria a “remontada” que se iniciou com Luís Silva que fez o empate aos 17 minutos e um minuto depois seria Rafael Monteiro a fazer o 5-4.
Ultimos minutos de muitos nervos e intensidade, com as duas equipas a procurarem o triunfo e Gonçalo Marcelino, de GP voltava a fazer o empate no “Amável dos Santos Pereira” para desespero do público afeto ao BIR.
Seria o experiente Orlando Fernandes, que saltara do banco nessa fase a fazer o golo que garantiu o triunfo ao BIR, apontado já no minuto final do encontro.
Vitória justa da equipa de Valado dos Frades valorizada pela notável réplica que o conjunto que viajou da Vila piscatória deu nos cinquenta minutos do jogo.
Após 16 jornadas realizadas o BIR ocupa o 5.º lugar com 29 pontos, os mesmos do S Alenquer B e na próxima semana desloca-se à Ilha do Pico onde defrontará o Candelária SC, que segue na 3.ª posição com mais 5 pontos.
O GD Sesimbra que com esta derrota mantem-se na zona de descida jogará no seu recinto onde será o anfitrião da AJ Salesiana.

Foto- Facebook do Biblioteca IR

2Segunda