a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Pedro Henriques- “Jogo ...

sábado , Abr. 10 2021
44

Jordi Bargalló- ...

sábado , Abr. 10 2021
62

Miguel Rocha - ...

sábado , Abr. 10 2021
35

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60149

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28102

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22474

Goleada com “Manita” de ...

sábado , Jan. 28 2017
2129

Calendário Torneio ...

sábado , Nov. 19 2016
1329

CN Sub20 Fase Final: AD ...

segunda , Jun. 12 2017
1451

3 Massagista Essencial 2

165683779 1652478891610421 1805264236564508954 o

No jogo grande da penúltima jornada o OC Barcelos venceu no Municipal de Barcelos a Oliveirense por 5-3 com o destaque a ir para Luís Querido, autor de três dos golos da formação minhota.
Um Barcelos que mantem a segunda posição a três pontos do FC Porto e que procura ainda chegar ao topo nesta fase regular do campeonato nacional da 1.ª divisão.
Deixamos aqui os melhores momentos deste encontro com imagens do OC Barcelos e edição da DN12.

Resumo do Jogo

6 Tecnico Massagem Março

166123468 1091367941329061 420794321211894524 n

O SL Benfica foi às Goladas vencer pro 1-0, garantindo os três pontos na luta pela quarta posição, deixando o HC Braga a depender de si para garantir a manutenção.

Assim o Benfica continua a lutar pelo quarto lugar, somando agora cinquenta e dois pontos, mais quatro que a UD Oliveirense que ainda tem dois jogos para disputar.

Quanto ao HC Braga deixa tudo em aberto para a ultima jornada em Famalicão, diante o Famalicense, onde para garantir a manutenção tem de fazer pelo menos, o mesmo resultado do Turquel em Valongo.

Na derradeira jornada, Famalicense e HC Braga somam vinte e três pontos e o HC Turquel vinte e um.

Em caso de igualdade pontual entre as três equipas, quem desce de divisão é o HC Braga.

Num jogo equilibrado valeu ao Benfica o golo de Diogo Rafael aos 18' num remate cruzado a dar vantagem aos lisboetas em tempo de intervalo.

No segundo tempo o HC Braga não teve a pontaria afinada em especial pelo seu capitão Ângelo Fernandes que desperdiçou dois lances de bola parada, um livre direto e uma grande penalidade.

Também o Benfica podia ter marcado, mas Lucas Ordoñez falhou uma grande penalidade.

Apesar da maior posse de bola do Benfica, a equipa minhota voltou a não ser feliz aos 23' quando uma vez mais Ângelo Fernandes não concretizou um livre direto a punir a décima quinta falta dos encarnados.

No ultimo minhoto os bracarenses arriscaram tudo jogando inclusive sem guarda redes, mas o Benfica tapou todos os caminhos da baliza de Pedro Henriques.

Para a ultima jornada, o HC Braga joga em Famalicão e o Benfica recebe o OC Barcelos.

Foto: Hóquei Minhoto

165541574 131159605681673 275414031947027456 n

Ainda com esperanças de chegar ao play off, a Juventude de Viana foi surpreendida por uma segunda parte muito forte da Sanjoanense, acabando por perder por 7-3, depois de ter estado a vencer por 2-0 em tempo de intervalo.

Com objetivos diferentes, a Juventude de Viana assumiu o jogo na primeira parte, chegando ao descanso com uma vantagem de dois golos, apontados por Diogo Casanova e Francisco Silva.

No segundo tempo a Sanjoanense "acordou" e aos poucos passou de derrotada a vencedora por 7-3 com golos de Facundo Navarro (4), Xavi Cardoso, Hugo Santos e Alex Mount.

O melhor que a Juventude de Viana conseguiu foi marcar o seu terceiro tento por Gustavo Lima.

Este resultado garante à Sanjoanense a manutenção na primeira divisão com vinte e seis pontos e adia em relação à Juventude de Viana a presença nos oito primeiros classificados, atualmente também com vinte e seis pontos.

Na ultima jornada a Juventude de Viana tem de pelo menos empatar em Almeirim e esperar por uma derrota da Sanjoanense diante o Sporting CP, para atingir o oitavo lugar.

Foto: Juventude de Viana

riba valongo ricardo dias 1

O Riba d'Ave com a derrota por 4-3 em casa diante a AD Valongo, assinou a descida à segunda divisão, zona norte, a uma jornada do final do campeonato.

Com a exigência de ter de ganhar para adiar a despromoção, a formação minhota foi surpreendia com os dois tentos de Carlos Ramos para a AD Valongo.

Reagiu aos 18' por João Pedro de livre direto, mas antes do descanso, os visitantes fizeram o 3-1 por Diogo Fernandes.

No segundo tempo, Diogo Abreu ainda deu alento ao Riba d'Ave com o 2-3, logo aos sete minutos. Antes João Pedro desperdiçou uma grande penalidade ao permitir a defesa de Ricardo Silva.

Na tentativa de chegar ao empate, o Riba d'Ave acabou por sofrer o 4-2 por Rafael Bessa, depois de uma vez mais ter falhado um livre direto desta vez por Hugo Barata.

Ainda assim a formação de Raul Meca não desistiu e fez o 4-3 aos 17' por Hugo Barata.

Ate ao fim os minhotos pressionaram muito, mas as suas intenções esbarram no guarda redes Ricardo Silva que inclusive aos 21' defendeu um livre direto de João Pedro.

Com esta derrota a jovem equipa do Riba d'Ave desce de divisão, partindo para a ultima ronda em Tomar matematicamente despromovida com dezoito pontos, contra os vinte e três do HC Braga, primeira equipa em zona de permanência.

Em relação à AD Valongo, ocupa o sétimo lugar com trinta pontos, faltando jogar com o Sporting CP e HC Turquel em casa.

barcelos oliveirense pedro goncalo 2

No jogo grande da penúltima jornada, o OC Barcelos venceu a UD Oliveirense por 5-3 e parte para a ultima jornada em segundo lugar.

Neste momento o OC Barcelos soma sessenta pontos, mais quatro que o Sporting CP, com o clube de Alvalade a ter menos um jogo realizado.

A equipa do OC Barcelos voltou a vencer a Oliveirense depois de na primeira volta ter levado a melhor em Oliveira de Azeméis por 7-4.

Apesar do maior domínio do jogo na primeira parte da UD Oliveirense, os lances de bola parada foram determinantes para o 3-1 ao intervalo.

A equipa do OC Barcelos sem os lesionados Reinaldo Ventura e o guarda redes Joka Guimarães, foi eficaz com o capitão Luís Querido a aproveitar em plenos as três grandes penalidade que tive ao dispor.

Do outro lado a UD Oliveirense encurtou por Marc Torra.

Na segunda parte foi a equipa do minho que tomou conta do encontro, apesar de Lucas Martinez ter reduzido para 3-2.

Na resposta Miguel Rocha e Luís Querido em mais uma grande penalidade, elevaram para 5-2.

O resultado final de 5-3 surgiu por Jorge Silva já nos últimos minutos do encontro.

Destaque para a grande exibição de Conti Acevedo que defendeu dois livres diretos nos momentos cruciais do jogo.

Com este resultado o OC Barcelos parte para a ultima jornada na luz diante o Benfica, a depender apenas de si para garantir o segundo lugar, podendo até chegar a esse encontro com essa posição alcançada se o Sporting CP não vencer, um dos dois jogos que lhe faltam, em Valongo e em casa com a AD Sanjoanense

Quanto à UD Oliveirense ainda tem esperanças de atingir o quarto lugar mas tem de esperar pelo resultado do Benfica amanha, domingo em Braga.

133775894 1840452989465474 4011327424397246707 o

O treinador do FC Porto, Guillem Cabestany, abordou o jogo que o FC Porto realizou frente ao HC “Os Tigres” com a vitória a sorrir aos dragões por 8-1, e que garantiu, matematicamente a primeira posição ao FC porto nesta fase regular do nacional da 1.ª divisão, quando falta apenas uma jornada para o términus da mesma.

“Creio que a equipa do HC Tigres se libertou desde que ficou matematicamente despromovida, pois tal como na semana passada, hoje fez um bom jogo. Aguentou o resultado até à segunda parte e criou-nos dificuldades. Não tivemos uma boa dinâmica na primeira parte, mas melhorámos muito na segunda e acabámos por fazer uma boa exibição. Queríamos os três pontos para fechar matematicamente o primeiro lugar e creio que a equipa está a demonstrar que merece esse primeiro lugar. A partir de amanhã começamos a pensar na Liga Europeia”, afirmou o treinador Guillem Cabestany após a partida.

Fonte- FC Porto

6 Tecnico Massagem Março

165824172 1913104385533667 8955080564471639014 o

FC Porto venceu o HC Tigres (8-1), no Dragão Arena, e vai terminar a fase regular do Nacional de hóquei em patins na liderança
O FC Porto já sabe que vai terminar a fase regular do Campeonato Nacional de hóquei em patins no primeiro lugar depois de vencer neste sábado o HC Tigres (8-1), no Dragão Arena, na 25.ª e penúltima jornada. Os azuis e brancos são líderes isolados, com 63 pontos, e manterão esse estatuto independentemente do que aconteça na 26.ª e derradeira ronda da fase regular, o que garante o fator casa em todas as eliminatórias dos Play-off.

Não foi fácil quebrar a resistência da já despromovida equipa de Almeirim e a realidade é que o primeiro golo portista só surgiu de penálti, por intermédio do inevitável Gonçalo Alves. Poka aumentou para 2-0 pouco depois, mas Diogo David reduziu a diferença para o HC Tigres já perto do intervalo. Na etapa complementar, a goleada dos Dragões ganhou contornos definitivos com os remates certeiros de Rafa, Carlo Di Benedetto (2), Reinaldo García, Giulio Cocco e Poka.

Fonte- FC Porto

5 Cabeleireiro Inicial Março

20210327 mvp 0342

No final da vitória sobre o SC Tomar deste sábado, Paulo Freitas, treinador da equipa de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal, analisou o desafio e destacou a atitude demonstrada pelos seus jogadores.

"Viraram um resultado de 0-2 com a adversidade que tivemos nas bolas paradas. É preciso valorizar o carácter desta equipa, que luta até ao fim e que não dá um lance como perdido. Isso é fundamental e os três pontos acabam por ser justos face ao que produzimos. Uma primeira parte algo encaixada onde permitimos transições ao adversário. Cometemos alguns erros e daí o facto de termos estado atrás no marcador. Uma segunda parte completamente diferente, em que só deu Sporting CP e em que só nós quisemos levar mais alguma coisa do que o empate. Uma segunda parte em que, ao longo do jogo, enviámos quatro ou cinco bolas aos ferros. Reagir a todas estas adversidades demonstra que é uma equipa de grande carácter e compromisso que pode, eventualmente, não estar com a qualidade que se lhe reconhece em alguns momentos, mas que tem esta atitude fantástica", disse o técnico em declarações à Sporting TV.

Fonte/Foto- Sporting CP

5 Barbeiro Completo Março

20210327 mvp 1280

A equipa de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal recebeu e venceu, este sábado, o SC Tomar por 4-3 em jogo da 25.ª jornada da fase regular do Campeonato Nacional.

O Sporting CP começou a procurar o golo desde bem cedo e teve uma grande oportunidade aos cinco minutos, quando Toni Pérez não conseguiu converter uma grande penalidade. Logo a seguir, Pedro Gil acertou no poste, mas foram os visitantes a inaugurar o marcador aos nove minutos, graças a um forte tiro de Filipe Almeida. Pouco depois, Filipe Almeida voltou a marcar, desta feita na conclusão de um excelente contra-ataque do SC Tomar.

A perder por 0-2, o Sporting CP foi à procura de mudar o rumo dos acontecimentos e reduziu aos 15 minutos. Num grande lance individual, Ferran Font colocou a bola no fundo das redes numa stickada já em queda. O 2-2 acabou por surgir três minutos depois, quando Alvarinho, na insistência, surgiu solto de marcação para atirar para o golo. Apesar da boa exibição do SC Tomar, o empate era um resultado bem mais justo nesta fase do desafio.

Até ao intervalo, os Leões criaram várias situações de finalização. Primeiro foi Ferran Font, de livre directo, a permitir a defesa do guardião adversário e depois foram Alvarinho e Alessandro Verona a não ficarem nada longe de concretizarem mais um tento. Ainda assim, a primeira parte terminou com 2-2 no marcador.

O segundo tempo começou com alta intensidade, com o SC Tomar a dar continuidade à excelente prestação no Pavilhão João Rocha, mas desta vez foi o Sporting CP a marcar primeiro. Ao quinto minuto da metade final, Telmo Pinto colocou a bola em zona perigosa, onde apareceu Toni Pérez para o desvio fatal. De 0-2 para 3-2, o emblema de Alvalade consumou a reviravolta, mas nem por isso o duelo ficou resolvido.

Até foi o Sporting CP a estar mais perto de marcar nos instantes seguintes - logo após um livre directo falhado pelo SC Tomar, Gonzalo Romero esteve perto do golo numa ocasião em jogo corrido e noutra através de uma grande penalidade -, mas foi o conjunto forasteiro a chegar ao empate a três golos. Novamente de contra-ataque, Filipe Almeida chegou ao hat-trick e o resultado voltou a estar dividido.

Seguiu-se um grande número de oportunidades desperdiçadas. Alessandro Verona acertou no ferro numa grande penalidade, Ângelo Girão defendeu um livre directo e uma grande penalidade do SC Tomar e Ferran Font, num livre directo a castigar as dez faltas adversárias, também acertou no poste. O golo da vitória aconteceu, finalmente, a dois minutos do fim. Assistência perfeita de Ferran Font e Matías Platero, em boa posição, não perdoou e foi o autor do 4-3.

Até ao final, destaque para o livre directo não convertido por Gonzalo Romero. Assim, o jogo terminou com 4-3 no marcador e com os três pontos para o Sporting CP.

Fonte/Foto- Mário Vasa/Sporting CP

4 manicure pedicure Março

 jl12887

Em plena recta final da fase regular do Campeonato Nacional, a equipa principal de hóquei em patins do Sporting Clube de Portugal enfrenta, no sábado, o SC Tomar na 25.ª jornada. Paulo Freitas, treinador dos Leões, projectou o encontro, admitindo esperar dificuldades perante uma formação que já garantiu o sexto lugar e o apuramento para o play-off de apuramento do campeão.

"É a equipa que tem a sua situação perfeitamente definida na tabela classificativa. O SC Tomar tem feito uma boa época, com resultados muito interessantes e jogadores de qualidade, portanto, neste campeonato, só podemos esperar dificuldades e equilíbrio. No entanto, nós também temos muita qualidade e vamos querer conquistar os três pontos e fazer uma boa exibição", começou por dizer em declarações aos meios de comunicação do Clube.

Além do embate frente ao SC Tomar, os Leões têm mais duas jornadas por disputar – uma em atraso e a última da fase regular. Apesar de o primeiro lugar ser já inalcançável, Paulo Freitas quer focar-se na conquista de todos os pontos ainda em disputa para atacar o play-off na melhor posição possível.

"Pensamos jogo a jogo, mas é evidente que tínhamos como principal objectivo ficar no primeiro lugar desta fase regular. Neste momento já não é possível, porque o FC Porto ganhou no último jogo – mas devia ter empatado porque um lance muito mal ajuizado na parte final da partida teve assim implicação directa na atribuição do primeiro lugar. É algo que não devia acontecer, mas agora vamos à procura de conquistar os três pontos no sábado e tentar ficar o mais acima possível na tabela. Independentemente do nosso lugar, seguimos para o play-off com o claro objectivo de chegar à final e conquistar o campeonato", apontou, por fim, o treinador Leonino.

Fonte/Foto- Sporting CP

4 Esteticista Essencial Março

deolho no apito

A FPP publicou a lista de nomeações das partidas a realizar até ao próximo dia 31 de Março.
Destaque nesta jornada 25 do nacional da 1.ª divisão, para partida entre o OC Barcelos e a UD Oliveirense que será dirigida por Paulo Almeida (Aveiro) e Rui Torres (Minho).

Nomeações

2 Cabeleireiro Essencial Março