a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Oliveirense foi ao ...

sexta , Dez. 09 2022
4

Alejandro Dominguez- "A ...

sexta , Dez. 09 2022
1

FC Porto passa no Nabão ...

sexta , Dez. 09 2022
3

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62779

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
31613

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25618

Pablo Alvarez- fazer ...

sexta , Abr. 15 2022
346

Ruben Sousa vai trocar ...

sexta , maio 13 2016
3185

Rescaldo 20.ª Jornada- ...

quinta , Abr. 12 2018
1225

6 10Massagista Inícial

marlene sousa thumbnail

Cata Flores, com um hat-trick e uma assistência evidenciou-se, como Marlene Sousa que bisou.

Na reedição da final da Elite Cup, ganha pelo Benfica em setembro, a equipa feminina de hóquei em patins encarnada goleou o CACO (6-2), em partida da 2.ª jornada da zona Sul do Campeonato Nacional.
Foi assim, da melhor forma, ultrapassada a entrada com o empate no terreno do Turquel (3-3) no arranque da competição em que as encarnadas defendem o título de eneacampeãs.

Antecedida por um minuto de silêncio no Pavilhão Fidelidade, em memória de Francisco Janelas, presidente da Associação Nacional de Treinadores de Patinagem, que faleceu, o duelo começou equilibrado, até ao golo inaugural de Cata Flores. Na conversão de um livre direto, a internacional chilena colocou o Benfica na frente (11').

Pouco depois a formação visitante igualou numa grande penalidade marcada por Margarida Alves, mas o Benfica não se deixou intimidar.

Sublime, Cata Flores encheu a quadra e foi determinante para a diferença de três golos verificada ao intervalo na Luz. Aos 15', em jogada individual, a universal fez o 2-1 e a 2m24s do final da primeira parte, sobre a direita, assistiu Raquel Santos para novo golo.

Um minuto depois, num grande momento de hóquei em patins, Cata Flores passou por trás da baliza do CACO e, rápida, picou a bola sobre a guarda-redes rival para o 4-1.

No reatar da segunda metade, de grande penalidade, Sofia Contreiras reduziu para o emblema de Campo de Ourique, mas não voltou a ultrapassar a guarda-redes Maria Vieira.

Com a vitória bem encaminhada, a capitã Marlene Sousa deixou a sua marca e bisou, selando o resultado final para a equipa comandada por Paulo Almeida em 6-2.

Fonte/Foto- SL Benfica

Curso maquilagem essencial