a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Protocolo do Sistema de ...

quinta , Ago. 11 2022
45

Calendário da Elite Cup ...

quinta , Ago. 11 2022
68

WSE Continental Cup será ...

quarta , Ago. 10 2022
53

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62212

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
31081

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25223

«Coimbra e Setúbal com ...

quinta , Jan. 25 2018
1637

Oliveirense apresenta ...

sexta , Ago. 19 2016
2082

2.ª Div: CH Carvalhos ...

sábado , Out. 24 2015
1714

Curso Unhas de Gel Profissional 25h ed

261051066 310566977738553 7902525360679844562 n

FC Porto bateu o Valongo por 7-2 no reatar do nacional de hóquei em patins
A interrupção das competições motivada pelos compromissos internacionais não fez qualquer tipo mossa na equipa de hóquei em patins do FC Porto. De volta à ação depois do Campeonato da Europa em Paredes, os líderes do campeonato deram continuidade ao excelente momento de forma que lhes valeu oito vitórias nas oito jornadas disputadas anteriormente, os azuis e brancos receberam e venceram o Valongo por 7-2 e mantiveram os quatro pontos de vantagem sobre o mais direto perseguidor, a Oliveirense.

Com a mesma pujança que se havia visto até à paragem, o FC Porto entrou melhor e colocou-se a vencer logo ao quarto minuto com cortesia do suspeito do costume. Nos longos minutos que se seguiram não faltou ação nas duas balizas - que estremeceram inúmeras vezes com disparos aos ferros -, mas os golos só surgiram nos derradeiros cinco minutos da etapa inaugural: primeiro por Diogo Abreu, a igualar a contenda, e depois por Rafa, a repor de imediato a vantagem portista. Nos últimos suspiros de uma primeira parte de sentido único, Gonçalo Alves bisou de forma sublime na recarga de um livre direto e Carlo Di Benedetto inscreveu o respetivo nome na lista dos marcadores a cinco segundos do descanso. A vencerem por 4-1, os Dragões controlaram sempre o resultado na etapa complementar, que teve início da mesma forma: com um golo a abrir e com a resposta valonguense a surgir logo a seguir. Até ao final, Ezequiel Mena também se estreou a faturar - com uma execução tecnicamente primorosa - e Carlo Di Benedetto a fechar a contagem na cobrança de um livre direto.

Na próxima quarta-feira, dia 1 de dezembro, o FC Porto entra em pista no Pavilhão das Goladas para defrontar o HC Braga na décima ronda do nacional, enquanto a AD Valongo recebe no “San Ciro” o OC Barcelos.

Fonte- FC Porto

4 Maquilhagem Profissional