a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

1.ª D- Resumo AD ...

terça , Dez. 07 2021
14

Pedro Henriques- “Espero ...

terça , Dez. 07 2021
15

FPP- Formação: Ética no ...

terça , Dez. 07 2021
14

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61512

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
29999

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24283

Assinado o protocolo ...

quinta , Ago. 05 2021
302

2.ª D- Sul- CACO empata ...

segunda , Dez. 14 2015
1419

CNF- “Póquer” de Inês ...

segunda , Fev. 22 2021
377

5 Barbeiro Completo

Terronia

edu lamas thumbnail

O Benfica venceu o Famalicense (7-1) e na próxima jornada do Campeonato Nacional em Hóquei em Patins desloca-se ao reduto do HC Tigres.
A equipa de hóquei em patins do Benfica recebeu e goleou o Famalicense (7-1) no jogo da 10.ª jornada (em atraso) do Campeonato Nacional. No Pavilhão Fidelidade, duelo intenso e muito interessante de seguir, com triunfo justo das águias.
À partida para esta ronda, os encarnados ocupavam a terceira posição da tabela classificativa, com 35 pontos, e no caminho surgia o Famalicense, 10.º classificado, com 16 pontos somados. A meta era clara: vencer!
Primeiros minutos bem vivos na Luz, jogo veloz, intenso, com as duas equipas à procura do golo. Lucas Ordonez, com um disparo poderoso deu o mote, com as águias mais rematadoras nos instantes iniciais... mas a resposta não tardou.
O árbitro considerou falta de Diogo Rafael sobre Nuno Silva e, aos 3', primeiro livre direto no Pavilhão Fidelidade. No cara a cara com Pedro Henriques, Juan López perdeu o duelo com o guardião benfiquista.
Equipas afoitas, e oportunidade de golo para as águias! Falta de Juan López sobre Lucas Ordonez e grande penalidade. Chamado à conversão, Edu Lamas marca à primeira, mas o árbitro manda repetir. Aí, defesa do guardião Joaquim Peixoto. Duas oportunidades claras de golo, contudo, mantinha-se o nulo!
O Benfica pegou então no jogo, mais perigoso, mas perante um adversário atrevido e sempre a espreitar o contragolpe. Aos 11', finalmente o marcador foi desbloqueado na Luz! Edu Lamas, na raça, numa jogada de insistência, rematou forte, com a bola a entrar bem juntinho ao poste esquerdo. Estava feito o 1-0. E não foi preciso esperar muito para o segundo da noite... Edu Lamas, agora de meia-distância, disparou forte e sem hipóteses para bisar no jogo e colocar os encarnados a vencerem por 2-0.
Ora, minutos antes bisou, aos 15' assistiu! Bela incursão de Edu Lamas, a oferecer um passe açucarado a Diogo Rafael que, focado e em posição frontal, rematou para o 3-0.
Em vantagem, a equipa de Alejandro Domínguez pegou, em definitivo, na batuta da partida e as oportunidades foram-se sucedendo, com Joaquim Peixoto a ser chamado a trabalhos e a fazer uma grande exibição. Do outro, a formação de Vítor Silva respondia como podia, mas sem consequências de maior.
Antes do intervalo, mais um bis! Jogada do coletivo, Edu Lamas a bisar nas assistências e Diogo Rafael, com muita classe, a rematar para o 4-0, o seu segundo golo no jogo.
Ao intervalo, 4-0 para o Benfica, justo!
Reatar e grande penalidade para o Famalicense, após falta de Danilo Rampulla sobre João Araújo. Hugo Costa, chamado à responsabilidade, rematou forte, para enorme defesa de Pedro Henriques. Tal como no início, a formação visitante entrou bem nesta segunda parte... mas foi o Benfica a marcar. Iniciativa de Miguel Vieira pela direita, a rematar cruzado e rasteiro para o 5-0.
Jogo intenso, muito interessante de seguir, com um Benfica assertivo e solidário em busca de mais uma vitória, perante um Famalicense brioso e a não deitar a toalha ao chão.
Oportunidades, bolas aos ferros, lances de elevado recorte técnico, muita disputa em quadra, com os golos a surgirem de forma inevitável... e ainda bem!
Com dez minutos para se jogar, décima falta das águias, cartão azul para Miguel Vieira e livre direto. Enorme defesa de Pedro Henriques, com a luva esquerda, a dizer "não" a Pedro Mendes. Novo livre direto, agora com Juan López na linha a rematar de primeira e a reduzir para o 5-1.
Do outro lado, livre direto agora para o Benfica, após falta sobre Diogo Rafael. E magia na Luz... Lucas Ordonez, que categoria, a fazer o seu 34.º golo no Campeonato e a colocar os encarnados a vencerem por 6-1.
Mais um lance de bola parada, mais um golo, mais magia! Danilo Rampulla, com muita classe, a marcar o seu primeiro golo no encontro e a dilatar para 7-1.
Até ao final, a toada manteve-se, mas o marcador não tornou a mexer: 7-1... de classe e mais três pontos para o Benfica.
A formação comandada por Alejandro Domínguez torna a entrar em quadra no próximo domingo, com uma deslocação ao Pavilhão Alfredo Bento Calado. O HC Tigres-Benfica tem início às 15h00, e é referente à 20.ª jornada do Campeonato Nacional.

Fonte/Foto- SL Benfica

6 Tecnico Massagem