a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Paulo Freitas- “Este é o ...

quinta , Dez. 03 2020
2

FPP- Formação Creditada- ...

quinta , Dez. 03 2020
2

Taça 1947 arranca a 9 de ...

quinta , Dez. 03 2020
5

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59657

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27595

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21981

2.ª Div. Norte vai ...

quinta , Abr. 21 2016
1167

Rodolfo Sobral (Valença ...

quinta , Mar. 23 2017
1974

Vítor Silva (HC Braga): ...

terça , Out. 03 2017
1204

calendario Pluriform 4

murches parede

O Parede FC venceu este sábado o GRF Murches, no recinto destes por 2-1, numa partida marcada pelo equilíbrio e onde até ao final o resultado esteve sempre em suspense.
Entrou melhor a equipa da casa que nos primeiros minutos dispôs de algumas oportunidades para poder inaugurar o marcador, a mais flagrante o desperdício de um LD com Ricardo Lopes a não conseguir desfeitear “Tony”.
Com o correr dos minutos a equipa do Parede conseguiu equilibrar e até ao intervalo foi a formação mais perigosa, embora a ter pela frente um Murches a segurar bem o seu setor defensivo, sendo sem surpresas que o nulo se manteve até ao intervalo.
O Parede FC entrou mais afoito para a etapa complementar e inaugura o marcador através de um LD apontado por Manuel Coimbra. Na resposta é o Murches que mais uma vez não consegue concretizar de bola parada, desta feita a ser Tomás Cardoso a não conseguir enganar o guardião adversário.
Uma segunda parte onde o equilíbrio foi nota dominante, embora com o Parede a ser a equipa mais perigosa, mas a claudicar na finalização. O Murches chega mesmo ao empate por Tomás Cardoso aos minuto dezanove, mas “Joka” pouco depois volta a colocar a equipa do Parede em vantagem, ao fazer o 1-2.
Os últimos minutos trouxeram um Murches mais acutilante, mas desperdiçar algumas situações de golo eminente, numa fase onde o Parede segurava a magra vantagem.
Triunfo do Parede FC numa partida onde os pontos poderiam ter caído para qualquer dos emblemas. Sorriu ao conjunto de Pedro Gonçalves que após esta 4.ª jornada mantem a liderança isolada da zona sul da divisão secundária, somando 12 pontos, mais três que o quinteto que o persegue (Candelária SC, Biblioteca IR, CD Paço Arcos, HC Sintra e S Alenquer B).

Foto- David Veiga / www.hoqueipatins.pt 

Curso Estaticista Essencial