a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Paulo Almeida- “Ainda ...

sexta , maio 29 2020
39

Comunicado Conjunto das ...

sexta , maio 29 2020
66

AD Sanjoanense começa a ...

quinta , maio 28 2020
76

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
58768

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26622

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21229

Diogo Neves lesionado ...

terça , Set. 06 2016
1518

Rui Vieira abandona o HC ...

domingo , Mar. 22 2015
1798

Hugo Santos (HCPG)- “É ...

terça , Jul. 19 2016
1821

pluri unhas J

alejandro dominguez thumbnail

Em Espanha, a proteger a sua família da pandemia, o treinador da equipa de hóquei em patins do Benfica conta como, à distância, mantém forte a ligação aos jogadores e ao Clube.
É em Espanha que Alejandro Domínguez, treinador da equipa de hóquei em patins do Benfica, está a respeitar o recolhimento social obrigatório devido à COVID-19, junto da sua família, mas tem acompanhado tudo o que se passa em Portugal. Apesar do afastamento forçado, a ligação ao Clube continua forte.
"As notícias que saem aqui são preocupantes pelo número de vítimas e infetados pelo vírus. Tentamos viver a quarentena completamente confinados à nossa casa e não saímos absolutamente para nada. Felizmente antes de ter sido declarado o estado de emergência tínhamos comprado alimentos, por isso estamos a tentar viver, dentro da gravidade da situação, com tranquilidade", partilhou o treinador à BTV.
"Agora é esperar que se levante este estado de emergência em Espanha e em Portugal. Como são países vizinhos deve acontecer mais ou menos ao mesmo tempo. Espero que isto dure pouco e possamos voltar ao trabalho com normalidade", acrescentou.
Alejandro Domínguez afirmou que a ligação com os seus jogadores e equipa técnica continua forte, apesar das circunstâncias.
"O staff está em contacto diário, assim como com os jogadores, através dos treinos que lhes mandamos. Mandamos sessões de força e outras sessões diferentes que possam treinar em casa, para que mantenham a melhor forma possível, numa situação que é totalmente extraordinária", referiu.
"O contacto diário é importante para que a dinâmica e a sinergia que geramos com o staff e com os atletas não se perca. Quando voltarmos à normalidade, e espero que este vírus passe rápido, preciso que os atletas estejam bem", reforçou.
O treinador da equipa de hóquei em patins encarnada deixou ainda uma mensagem aos adeptos benfiquistas. "Por favor, sejam conscientes e mantenham-se em casa, respeitem a quarentena. Mantenham uma atitude positiva! Neste ponto, nós, benfiquistas, estamos em vantagem, pois o carácter vencedor que temos e o espírito de vencer que os adeptos deste Clube têm podem ajudar-nos muito nesta circunstância. Temos de estar otimistas, fortes e ter a certeza de que vamos ganhar. Vamos ganhar esta luta, com respeito, prudência e amor. Apesar de ser um momento difícil, temos de aproveitar para estarmos com a família, coisa que muitas vezes no dia a dia normal não temos tempo para o fazer."

Fonte- SL Benfica * Texto- Márcia Dores * Fotos- SL Benfica

3 Quarta