a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

“Xavi” Cardoso- “É um ...

quinta , Jun. 04 2020
43

Juventude Viana ...

quinta , Jun. 04 2020
53

Renato Garrido participa ...

quinta , Jun. 04 2020
46

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
58794

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26647

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21250

Paulo Freitas- ...

quinta , Fev. 20 2020
320

Alexandre Fernandes ...

quinta , Jan. 21 2016
1619

AP Lisboa- Nuno Pinto ...

sábado , Out. 01 2016
1626

pluri unhas J

OCB

Podemos ler aqui na integra o comunicado do OC Barcelos:

"

COMUNICADO

OCB quer retomar a prova e terminar a competição, logo que estejam salvaguardadas as condições de saúde. A decisão é unânime e põe do mesmo lado todos os clubes da I Divisão.

Os 14 clubes que disputam o Campeonato Nacional da I Divisão de Hóquei em Patins querem retomar e concluir a competição, logo que estejam reunidas as condições para tal.

Os clubes, incluindo o Óquei Clube de Barcelos, deram, ainda, total apoio à Federação de Patinagem de Portugal.

A decisão saiu de uma reunião entre responsáveis dos clubes, ocorrida por videoconferência. Do encontro saiu um comunicado conjunto, no qual se pode ler:

“1 - Os 14 clubes do Campeonato Nacional da I Divisão de Hóquei em Patins mostram apreensão perante o momento social, desportivo e financeiro que vivemos, demonstrando no entanto, uma total união para uma resposta célere às possíveis repercussões desta pandemia no Hóquei em Patins Nacional;

2- Todos os clubes se mostraram disponíveis para que as competições nacionais terminem, caso a saúde pública esteja salvaguardada, com uma calendarização ajustada;

3 - Os 14 clubes do Campeonato Nacional da I Divisão vão enviar à Federação de Patinagem de Portugal (FPP) um documento elaborado por todos, com contributos para minimizar o impacto social, desportivo e financeiro que esta pandemia irá implicar;

4 - Todos os clubes do Campeonato Nacional da I Divisão estão fortemente empenhados em colaborar com a FPP, para que dentro dos condicionalismos que vivemos, o Hóquei em Patins Português continue forte e como uma das maiores potências mundiais da modalidade.

5 - Com estas medidas, os clubes pretendem ser sempre parte da solução e um parceiro activo da Federação de Patinagem de Portugal”.