a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Resumo do HC Turquel – ...

terça , Set. 29 2020
41

CP Sobreira apresenta ...

terça , Set. 29 2020
244

Resumo HC “Os Tigres” – ...

terça , Set. 29 2020
53

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59456

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27335

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21726

Série A1 Itália: Ainda ...

terça , Nov. 10 2015
943

Daniel Calhau reforça ...

sábado , Jul. 18 2015
1238

Orlando Fernandes e ...

terça , Jun. 28 2016
1628

Cursos Grupos 2

5d2539da ae0b 4355 a369 33973e7f14fa

Após o final da derrota por 2-3 ante o Reus Deportiu para a quarta jornada da fase de grupos da Liga Europeia, Paulo Freitas congratulou os catalães e admitiu que os visitantes foram a equipa mais forte no Pavilhão João Rocha.

"Quero dar os parabéns ao Reus Deportiu, que venceu justamente. Temos de perceber que aquilo que fizemos na segunda parte é o que temos de fazer desde o início. Saio daqui com a consciência de que perdemos uma oportunidade de garantirmos, a duas jornadas do fim, o apuramento para a fase seguinte. A única coisa que temos de pensar é naquilo que queremos. Se andarmos atrás de processos individuais, não vamos a lado nenhum. Se andarmos atrás do mais importante, que é a equipa, podemos seguir em frente e ir atrás de troféus. Saio triste, porque tínhamos a perspectiva de ganhar, mas o Reus Deportiu foi melhor do que nós", começou por dizer o treinador em declarações à Sporting TV.

Paulo Freitas elogiou ainda a prestação do guardião do Reus Deportiu, mas reforçou a crítica à primeira parte da equipa. "O guarda-redes adversário fez uma exibição soberba, mas nos primeiros 25 minutos andámos aqui dentro e não podemos fazer isso. Representamos um Clube muito grande e temos de ter a noção de que o Clube é mais importante do que qualquer individualidade, seja treinador ou jogador, seja ele qual for. Hoje temos apenas de dar os parabéns ao Reus Deportiu e perceber que temos muito trabalho pela frente, mas acima de tudo temos de funcionar como equipa. Foi sempre esse o nosso lema e é para esse registo que temos de voltar. (...) Temos de alterar a postura para procurarmos aquilo que é realmente importante, que são títulos para o Clube. Nos dois jogos que faltam, temos de conseguir duas vitórias para, depois, procurarmos estar presentes na final four. No entanto, da forma como estivemos hoje aqui não merecemos mais do que isto", concluiu.

Fonte / Foto- Sporting CP

1Domingo