a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Óquei de Barcelos viaja ...

sexta , Nov. 15 2019
59

FC Porto numa aventura ...

sexta , Nov. 15 2019
300

WS Europe Cup- Três ...

sexta , Nov. 15 2019
118

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57581

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25519

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20329

Mealhada apresenta nova ...

quarta , Abr. 13 2016
1014

Convocatória da Seleção ...

segunda , Jan. 29 2018
723

Alejandro Dominguez – ...

sexta , Jan. 04 2019
361

interioresinteriores

pedro henriques new

O SL Benfica desloca-se até ao Minho onde vai defrontar a Juventude de Viana no Pavilhão “José Natário” em Viana do Castelo, em jogo referente à 4.ª jornada do Campeonato Nacional, agendado para este sábado, a partir das 21h30.
O guarda-redes Pedro Henriques esteve no programa da BTV, "Sport Lisboa e Modalidades", e anteviu o desafio que vai ter lugar no Minho.
"Tradicionalmente é uma deslocação muito difícil. Nos últimos anos em que foi a Viana do Castelo o Benfica encarou sempre jogos extremamente competitivos", começou por referir o guardião.
"A Juventude de Viana é uma equipa que tem imensa qualidade. Em três jogos fez um ponto, mas fê-lo contra um dos nossos adversários diretos. É uma equipa que já defrontámos na Elite Cup [na pré-época], sabe exatamente o que faz na pista e vai exigir o melhor Benfica. Temos de encarar este jogo como encaramos todos os jogos deste campeonato muito competitivo, em que não há margem para relaxamentos”, reforçou.
Pedro Henriques considera que o Benfica está cada vez mais entrosado e que o trabalho diário vai dar frutos.
"Temos os processos mais consolidados, mas temos de pôr em prática aquilo que temos vindo a fazer. Trabalhamos muito em quantidade e em qualidade para que possamos, em jogos como este contra a Juventude de Viana, fazer a deslocação e trazer os três pontos para casa", referiu.
O guardião do Benfica salientou ainda que o foco tem de estar essencialmente no caminho que há para percorrer.
"Não nos podemos focar nos jogos alheios, temos de nos focar no nosso caminho, que é longo e difícil. Em todas as competições em que estamos inseridos, temos a proposta de atingir todas as finais e temos condições para isso. Trabalhamos diariamente, mantemos o nível elevadíssimo e tudo faremos para ter sucesso", vincou.

Fonte / Foto- SL Benfica * Texto: Márcia Dores

Quarta Feira