a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

SCRA Saint Omer ...

segunda , Set. 23 2019
94

Alteração na Taça ...

segunda , Set. 23 2019
348

Paulo Freitas- ...

segunda , Set. 23 2019
62

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57290

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25253

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20158

Luís Tavares e Duarte ...

terça , Jun. 14 2016
943

Grupos definidos para o ...

quinta , Out. 09 2014
2513

1.ª Div: SL Benfica ...

sábado , Jun. 10 2017
1191

interioresinteriores

cflo

“Faça Justiça Connosco” é o slogan da campanha de angariação de fundos que o departamento de hóquei em patins do CF Carvalheiro lança nesta quarta-feira, para ajudar a viabilizar os custos da instauração de processo judicial contra as recentes decisões que afastam a sua equipa principal do Campeonato Nacional da 3.ª Divisão, numa decisão que está a frustrar as expectativas de jogadores, equipa-técnica, dirigentes, sócios e simpatizantes, para além de estar também a merecer a forte contestação da comunidade.

O departamento de hóquei em patins do CF Carvalheiro inicia nesta quarta-feira uma campanha de angariação de fundos com o propósito de juntar verbas que lhe permitam impugnar judicialmente as decisões que afastam de forma inusitada e injustificada a sua equipa principal das competições nacionais. Como se sabe, no dia 2 de Agosto, o clube foi surpreendido com a decisão da Associação de Patinagem da Madeira em excluir a sua equipa de hóquei em patins do Campeonato Nacional da 3.ª Divisão, numa decisão sustentada nas recentes alterações regulamentares imposta pela Federação de Patinagem de Portugal.

A notícia caiu que nem uma bomba nas hostes do CF Carvalheiro, frustrando as expectativas dos seus jogadores, equipa-técnica, dirigentes, sócios e simpatizantes, para além de ter merecido a forte contestação da comunidade. Sem resposta à solicitação de reunião enviada esta terça-feira à Associação, já depois de ter reunido com a Federação, o clube reforça a ideia de que só conseguirá recuperar o legítimo direito à participação nacional através da justiça.

Porém, todos os custos associados ao processo, na ordem dos 8.600 euros, constituem um entrave para que o CF Carvalheiro possa lutar pela restituição deste seu direito, não obstante considerar que todo este processo está ferido de ilegalidade e de má-fé. A colectividade tudo fará para não ficar privada do direito à justiça, dando assim um exemplo de persistência e de luta pela verdade, que espera seja um testemunho para todos os que se sentem injustiçados e perseguidos de forma ilegal. Assim, e sob o slogan “FAÇA JUSTIÇA CONNOSCO”, o clube avança com uma campanha de angariação de fundos, apelando à ajuda de todos os que queiram contribuir para esta causa.

Todos os que queiram ajudar poderão fazê-lo através da conta bancária do clube no Millennium BCP, cujos dados abaixo se indicam, devendo ainda clicar no link abaixo para submeter um formulário com as informações para a emissão do correspondente recibo de donativo.

Titular da conta: CLUBE FUTEBOL CARVALHEIRO
Banco: MILLENNIUM BCP
Número: 0000045377783983
NIB: 0033.0000.45377783983.05
IBAN: PT50.0033.0000.45377783983.05

fotografia