a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

“Xavi” Cardoso- “É um ...

quinta , Jun. 04 2020
36

Juventude Viana ...

quinta , Jun. 04 2020
47

Renato Garrido participa ...

quinta , Jun. 04 2020
39

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
58794

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26647

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21250

3.ª Div. Norte de ...

sexta , Mar. 18 2016
1108

1.ª Div. SL Benfica ...

terça , Fev. 09 2016
1101

Observação, ...

segunda , Fev. 22 2016
1611

pluri unhas J

57353005 2554399727967689 2058552991471894528 n

A seleção de Portugal conquistou a segunda vitoria na Taça das Nações ao vencer Angola por 4-2, assumindo a liderança do grupo A, com seis pontos, contra três de Angola e Espanha.

Uma partida aguardada com expetativa depois da seleção angolana ter surpreendido na primeira jornada ao derrotar a Espanha por 4-3.
Acrescente-se que a seleção de Angola conta com atletas conhecidos do campeonato português, casos de João Pinto, Francisco Veludo, André Centeno e Martin Payero.
O encontro ficou marcada pela agressão de Humberto Mendes " Big " a Hélder Nunes nos segundos finais, mas que apenas foi sancionada disciplinarmente com cartão azul...

O triunfo português começou a ser construído na primeira parte, com Henrique Magalhães e Hélder Nunes a fazerem os golos que permitiram chegar ao intervalo na frente do marcador.

Na segunda parte, Portugal elevou para 3-0 por Miguel Vieira, mas André Centeno reduziu, aumentando o interesse da partida.
Num erro de Portugal aos 13', a seleção de Angola aproveitou para colocar o marcador em apenas um golo de diferença por Anderson Nery.
Aos 16', valeu a Portugal o guarda redes Ângelo Girão a impedir o empate, após defender uma grande penalidade de Martin Payero.
No minuto seguinte, Angola cometeu a décima falta, onde Hélder Nunes de forma exemplar bateu Francisco Veludo, fazendo o 4-2 para Portugal.
Com a vantagem no marcador, Portugal soube gerir os dois golos de diferença, postura que enervou e muito os jogadores de Angola.

Em cima do apito final, lamenta-se a atitude de Humberto Mendes " Big " que de forma agressiva, agrediu Hélder Nunes, situação que passou à dupla de arbitragem, tendo o jogador de Angola sido punido apenas com cartão azul.
Deste lance e pelos protestos face à atitude de Humberto Mendes, Ângelo Girão também viu o cartão azul.

Grupo A

2ª Jornada

Espanha 10 Suíça 1
Portugal 4 Angola 2

3ª jornada ( sexta feira )

14H Suíça - Angola
20H Portugal - Espanha