a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Sporting soma três ...

quarta , Nov. 30 2022
12

3.ª Série D- HCP ...

quarta , Nov. 30 2022
13

3.ª Série C- HC Sintra ...

quarta , Nov. 30 2022
11

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
62753

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
31552

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
25596

Portugal empata com ...

quinta , Nov. 18 2021
324

Comunicado Infante Sagres

segunda , Fev. 26 2018
1611

Luís Sénica em antevisão ...

sábado , Jun. 20 2015
1720

6 10Massagista Inícial

50324100 1267197526753677 4577604246047817728 n

Dragões foram a Itália empatar 1-1 com o Lodi na 4.ª jornada do grupo C da Liga Europeia e continuam na primeira posição
O FC Porto Fidelidade empatou 1-1 com o Lodi no Palacastellotti, em Itália, este sábado à noite, em partida da 4.ª jornada do Grupo C da Liga Europeia de Hóquei em Patins e permanece invicto esta temporada na competição. A equipa orientada por Guillem Cabestany mantém o primeiro lugar com mais três pontos do que o adversário de hoje e mais quatro do que os catalães do Reus, sendo que os franceses do Saint Omer, que ainda não pontuaram, continuam no último posto.
O jogo começou de forma intensa com ocasiões de perigo junto das duas balizas e assim se manteve até ao final da primeira parte. Quer Nélson Filipe quer Valentin Grimalt foram obrigados a intervenções apertadas e conseguiram manter o nulo. Do lado azul e branco, Reinaldo García destacou-se com um remate de longe ao poste, enquanto no Lodi foi Andrea Malagoli quem, já muito perto do intervalo, esteve mais perto de marcar.
Os dragões entraram melhor no segundo tempo e logo ao minuto 26 ficaram em vantagem na sequência de uma jogada de combinação ofensiva entre Reinaldo García e Hélder Nunes, com o argentino a servir o capitão portista para o 1-0. Foi o 21.º golo de Hélder Nunes nesta época. O Lodi haveria de igualar o encontro quatro minutos depois. Poka cometeu falta sobre Domenico Illuzzi e deu origem a uma grande penalidade que o português Luís Querido converteu.
Malagoli ainda voltou a incomodar Nélson Filipe aos 36 minutos mas foi a equipa portuguesa a dispor das melhores oportunidades até ao final. Primeiro, Giulio Cocco, que foi aplaudido e homenageado antes do encontro no regresso ao Palacastellotti, forçou o guarda-redes do conjunto italiano a uma defesa esforçada num livre direto e depois Rafa atirou uma bola ao poste. Nos últimos cinco minutos, Hélder Nunes desferiu dois remates fortes: um ainda deu a sensação de golo e o outro bateu nas redes exteriores.
O FC Porto Fidelidade regressa ao campeonato português na próxima quarta-feira, dia 23 de janeiro. O desafio da 13.ª jornada tem lugar às 21h00 no Pavilhão de Turquel diante da equipa local.

Fonte- FC Porto