a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

1.ª D- Resumo AD ...

terça , Jan. 18 2022
23

2.ª Sul- “Bês” do ...

terça , Jan. 18 2022
17

1.ª D- Resumo do SC ...

terça , Jan. 18 2022
20

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61630

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
30150

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24448

2.ª D- Sul- Murches ...

segunda , Fev. 03 2020
840

FC Alverca com mais ...

terça , Jul. 09 2019
1255

3.ª D- Centro- Antevisão ...

quinta , Out. 29 2015
1664

3 Cabeleireiro Inicial

Terronia

imgS620I218518T20180409145226

Pavilhão “João Rocha” tem boas hipóteses de ser escolhido
Garantido o apuramento para a final-four da Liga Europeia, o Sporting pretende organizar a fase final da competição e vai apresentar a candidatura para tal.
Os quatro clubes que vão competir na final-four – Sporting, FC Porto, Barcelona e Reus – têm até ao dia 18 de abril para apresentarem as respetivas candidaturas junto do CERS-RH para organizar a competição e os leões já estão a preparar a deles.
O zerozero.pt sabe que os verdes e brancos têm a intenção de organizar a fase final da competição de clubes mais importante da Europa e a possibilidade de serem a escolha do CERS-RH é elevada.
Isto porque a final-four será composta apenas por equipas da Península Ibérica, facto que aumenta as probabilidades de êxito do Sporting porque os regulamentos do CERS-RH determinam que em caso de candidaturas equivalentes, é escolhido o país que não recebeu a edição anterior. Ora, tendo em conta que a última final-four foi organizada pelo Barcelona em Lleida, é pouco provável que a organização volte a ser entregue aos blaugrana e também ao Reus, atual campeão da Europa.
Nesse sentido, Sporting e FC Porto ficam com condições mais favoráveis para organizar a fase decisiva da Liga Europeia. Mas no caso de haver candidaturas semelhantes dos dois representantes portugueses na prova, a favor dos leões pode pesar o facto do Dragão Caixa já ter sido palco da final-four em 2013, algo que o Pavilhão João Rocha nunca vivenciou.
Inaugurado em junho de 2017, o recinto dos leões cumpre os requisitos do CERS-RH e o Sporting pretende organizar nele a primeira grande competição internacional, celebrando dessa forma o primeiro ano de existência do pavilhão. Essa era uma intenção dos responsáveis leoninos e que pode eventualmente concretizar-se com o apuramento da equipa comandada por Paulo Freitas para a final-four.
Recorde-se que as meias-finais da Liga Europeia estão agendadas para 12 de maio, com a realização do FC Porto x Sporting e do Barcelona x Reus, estando a final marcada para o dia seguinte, 13 de maio, com a certeza de que tanto Portugal como Espanha estarão representados no encontro decisivo da prova.

Fonte/Foto- www.zero.zero.pt