a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

1.ª D- Resumo AD ...

terça , Dez. 07 2021
22

Pedro Henriques- “Espero ...

terça , Dez. 07 2021
21

FPP- Formação: Ética no ...

terça , Dez. 07 2021
31

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61513

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
30000

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24285

Rui Mendes e Valente ...

domingo , Jun. 12 2016
1776

2.ª D- Física e Cambra ...

sexta , Jun. 05 2015
1536

Porto B ameaça sétimo ...

segunda , maio 21 2018
896

5 Barbeiro Completo

Terronia

imgS620I216871T20180316032322

Com a Sala principal do Mirador de las Cuevas-Cal Blay, perto de Sant Sadurní d'Anoia, cheio, a Federação Catalã voltou a realizar a Gala da Patinagem da Catalunha com Albert Casanovas, actualmente a jogar no Reus Deportiu, a ser o mais votado e a receber o Troféu de melhor Hoquista catalão.
Num Gala, onde o sentimento e a cultura Catalã esteve desde da primeira hora presente e que foi liderada pela jornalista Anna Freixa, começou com uma lembrança do presidente da Federação Catalã , Ramon Basiana, para o presidente do Òmnium Cultural, Jordi Cuixart, que esteve ausente do evento em virtude de estar preso à cerca de cinco meses por motivos politicos. O jogador de hóquei do Reus Deportiu Albert Casanovas e o patinador do CPA Olot Anna Quintana foram premiados com os melhores atletas do ano.
Foram homenageados os melhores jogadores de hóquei em patins de 2017 (Albert Casanovas e Anna Quintana), antigos campeões do mundo dos anos 50 e 60, os atletas catalães que integraram as selecções nas mais variadas variantes da Patinagem, personalidades, instituições e empresas, num total de cerca de 200 laureados nesta edição que foi realizada.

Fonte / Foto- fcpatinatge.cat