a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Sub 23 do CRPF Lavra já ...

terça , Ago. 20 2019
77

Alejandro Dominguez – “ ...

terça , Ago. 20 2019
179

Juventude Ouriense quase ...

terça , Ago. 20 2019
259

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57129

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25060

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20027

Rui Silva: “Só pensamos ...

quinta , Fev. 04 2016
823

TP - Pessegueiro tomba ...

domingo , Jan. 06 2019
213

Uma manhã diferente ...

domingo , Dez. 24 2017
970

interioresinteriores

27858616 10156995032322656 7308177740026592940 n

CS Marítimo – HC Santiago 4-3

Não basta ser melhor, há que marcar sob pena de sair derrotado. Foi essa a lição que a equipa de Santiago do Cacém trouxe da deslocação ao Funchal na última jornada.
Depois de ter dominado no primeiro tempo onde chegou ao intervalo a vencer por 2-1, e onde teve oportunidade de sobra para ir para o descanso com um resultado mais dilatado.
Segunda parte de equilíbrio com um Marítimo a querer fazer a remontada, situação que acabou mesmo por acontecer. O Santiago ainda empatou, mas a formação madeirense acabaria mesmo por fazer o 4-3, resultado que não se alteraria até final.
O Santiago a queixar-se da arbitragem, que acabou por prejudicar a equipa forasteira, numa exibição que foi a menos conseguida deste encontro.
Pelo Marítimo marcaram Carlos Baroca, Mário Brazão, Pedro Mendes e Pedro Moniz. Do lado da equipa do Santiago os responsáveis pelos golos foram João Fonseca e Tiago Tristão (2).
O Marítimo com este triunfo e fruto do empate da equipa do Murches subiu ao 2.º lugar com 26 pontos mais um que a formação de Cascais e está agora a 4 pontos do líder, HC Vasco da Gama.

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação