a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

CNF- centro- AA Coimbra ...

terça , Out. 20 2020
4

CNF- Norte- “Hat-Trik” ...

terça , Out. 20 2020
18

3.ª Zona D- CRIAR-T com ...

terça , Out. 20 2020
95

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59520

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
27406

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21817

Mário Rodrigues ...

segunda , Jul. 28 2014
3454

AA Espinho deixa fugir ...

domingo , Nov. 11 2018
608

Camp. Nac. Norte – 3.ª ...

segunda , Mar. 09 2015
1572

Cursos Grupos 2

la vandeenne

«FC Porto Fidelidade defronta o campeão francês na segunda jornada do grupo B da Liga Europeia.

Este sábado (19h30), no Salle de l'Angelmière, em França, estarão frente a frente o campeão português e francês de hóquei em patins, mas duas realidades completamente diferentes: o FC Porto Fidelidade é um dos clubes mais titulados, enquanto o La Vendéenne é um clube ainda em ascensão e um dos responsáveis pelo crescimento da modalidade em França. Fique a conhecer um pouco mais sobre o adversário dos Dragões numa análise mais detalhada, que pode ser lida aqui​ na edição de outubro da revista Dragões. ​

La Vendéenne La Roche-sur-Yon
Cidade: La Roche-sur-Yon
Ano de fundação: 1956
Pavilhão: Salle de l'Angelmière
Treinador: Miguel Sanchez
Palmarés: 13 campeonatos (1975/76, 1977/78, 1978/79, 1981/82, 1986/87, 1988/89, 1995/96, 2002/03, 2003/04, 2004/05, 2006/07, 2015/16, 2016/17); 7 Taças de França (2001/02, 2005/06, 2006/07, 2010/11, 2013/14, 2015/16, 2016/17)​

O clube
Pode dizer-se que o La Vendéenne é um dos principais responsáveis pela subida de nível do campeonato francês de hóquei em patins. Fundada em 1956, a equipa de La Rochesur-Yon tem dominado o campeonato nacional, chegando ao duelo com o FC Porto com um consolidado estatuto de bicampeão. Historicamente pode orgulhar-se de ser a primeira equipa francesa a participar numa fase final de uma Liga Europeia (1997/98), competição na qual já defrontou os Dragões por seis ocasiões, sempre sem sucesso.

A análise de Guillem Cabestany
​“Esta equipa vem dominando o campeonato francês, cujo nível vem subindo consideravalmente, tal como reflete a seleção nacional. Nós temos a experiência do ano passado com o Mérignac, com um empate em casa e uma vitória dificil lá. Sairam muitos jogadores, mudaram os estrangeiros e por isso não se consegue prever muito bem como vão arrancar. Pelo que vi nas imagens, têm um pavilhão pequeno, mas com ambiente. Não tenho dúvidas de que também será dificil jogar lá.”»

Fonte|Foto: www.fcporto.pt

workshops para rodapé Noticias AutoManicura