a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Oliveirense abriu a ...

segunda , Ago. 02 2021
70

“Janeka” vai reforçar o ...

segunda , Ago. 02 2021
236

Pedro Almeida é o novo ...

segunda , Ago. 02 2021
160

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60566

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28629

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22958

Riba d'Ave em estreia na ...

quarta , Jun. 16 2021
337

II D - Riba d'Ave volta ...

sábado , Fev. 21 2015
1935

Torneio Carlos Pires / ...

quarta , Jun. 20 2018
1008

05 Barbeiro Completo

FcportVenceVSLB97

O FC Porto Fidelidade venceu o Benfica, por 9-7, no jogo grande da 24.ª jornada do campeonato igualando os encarnados na liderança, mas em desvantagem no confronto direto, esperando agora pelo jogo da UD Oliveirense amanhã frente ao Sporting.

"O FC Porto Fidelidade venceu na tarde deste sábado o Benfica, por 9-7, no clássico da 24.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins. Com golos de Hélder Nunes (4), Vítor Hugo, Gonçalo Alves e Reinaldo Garcia (3) os Dragões impuseram-se aos encarnados perante um Dragão Caixa praticamente repleto, que foi também fundamental para ajudar à conquista dos três pontos. Quando faltam disputar duas jornadas para o fim, e já com o ciclo teoricamente mais difícil ultrapassado, a equipa de Guillem Cabestany iguala os 62 pontos do Benfica no topo da tabela. Com menos um ponto, mas também menos um jogo, segue a Oliveirense, que nesta jornada joga frente ao Sporting.

No clássico dos clássicos do hóquei em patins nacional, foram os Dragões a entrar melhor numa partida em que o primeiro tempo não teve verdadeiramente uma equipa a assumir-se, à exceção dos derradeiros cinco minutos, em que a formação da casa obrigou o Benfica jogar praticamente dentro da sua grande área. Foi por isso uma partida que começou por ser pautada ao ritmo dos oito golos, quatro em cada uma das balizas.

O argentino Reinaldo Garcia deu o melhor início ao FC Porto, ao abrir o marcador ao sexto minuto, mas a resposta dos visitantes chegou "via" eficácia. Nicolia por duas vezes e João Rodrigues, da marca do penalti, também por duas vezes, foram os marcadores dos encarnados, que ainda assim, até ao intervalo, não foram capazes de segurar o ímpeto azul e branco e a vantagem de dois golos que tiveram por duas ocasiões (3-1 e 4-2). E foi até com alguma injustiça que a igualdade se manteve até ao descanso, uma vez que a arte de Gonçalo Alves e o querer de Ton Baliu (remate à barra) estiveram perto de valer o quinto golo dos portistas.

O bom momento a fechar a primeira parte prolongou-se nos primeiros minutos da segunda, que teve como maior figura o guardião benfiquista. Por três vezes Traval parou os intentos portistas, mas nada pôde fazer para evitar o remate de Hélder Nunes, que com o segundo golo da tarde devolvia a liderança aos Dragões. Nova vantagem dos azuis e brancos e nova resposta encarnada, que depois do 5-5 voltaram à liderança após a cobrança bem-sucedida da 10.ª falta, aos 13 minutos (Hélder Nunes falhou para o FC Porto instantes antes). Este foi o último momento de festa encarnada, porque os últimos 15 minutos foram uma verdadeira demonstração de garra, determinação e classe dos Dragões.

Tudo começou no stick do capitão Hélder Nunes, após livre direto a castigar uma falta para azul de Diogo Rafael, prolongou-se até Reinaldo Garcia, que com dois golos em dois minutos deu pela primeira vez uma vantagem de dois aos portistas (8-6), e terminou de novo em Hélder Nunes, que fechou o marcador para os portistas com o quarto golo da conta pessoal (9-7). Já com ambiente de festa no Dragão Caixa, os forasteiros ainda reduziram para 9-7, mas já nada tirava aos Dragões uma vitória justa sobre o Benfica.​​

FICHA DE JOGO

FC PORTO FIDELIDADE-Benfica, 9-7
Campeonato Nacional, 24.ª jornada
03 de junho de 2017
Dragão Caixa, no Porto

Árbitros: Joaquim Pinto e Miguel Guilherme

FC PORTO FIDELIDADE: Nélson Filipe (g.r), Hélder Nunes (cap.), Reinaldo Garcia, Gonçalo Alves e Rafa
Jogaram ainda: Ton Baliu, Telmo Pinto, Vítor Hugo
Treinador: Guillem Cabestany

BENFICA: Guillem Traval (g.r), Valter Neves (cap), Carlos Nicolia, João Rodrigues e Diogo Rafael
Jogaram ainda: Gonçalo Pinto, Jordi Adroher e Miguel Rocha
Treinador: Pedro Nunes

Ao intervalo: 4-4
Marcadores: Reinaldo Garcia (6m, 45m, 46m), Carlos Nicolia (9m, 10m), João Rodrigues (13m, 22m), Vítor Hugo (17m), Hélder Nunes (23m, 32m, 44m, 50), Valter Neves (34m) e jordi Adroher (38m, 50m)

Disciplina: cartão azul a Diogo Rafael (44m, 49m)

Resultados e Classificação  

Foto|Fonte: FCPorto

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeCabelo