image

O responsável pela secção de hóquei em patins do Sporting, Gilberto Borges, não esteve em Itália a acompanhar o Forte dei Marmi-Sporting a contar para a 4.ª jornada da Liga Europeia de Clubes e, apesar de ter prometido mais esclarecimentos na terça-feira, já adiantou a O JOGO que a situação que se passou no pavilhão do Forte dei Marmi "será analisada internamente" e que irá "esperar serenamente" que tal aconteça.
Jogo do Sporting em Itália terminou com zaragata
Mesmo não tendo acompanhado a equipa nesta deslocação, o dirigente leonino disse já ter visto "outros vídeos" e fez uma pequena descrição do que observou. "No final das saudações, há um atleta, o Torner, que se aproxima e, a seguir, a câmara roda e o que se vê depois já é o Torner no chão. Pelo que vi, pelo que me parece, há ali alguém que faz uma fita", comentou Gilberto Borges.
Foi com agressões e tentativas de agressão que terminou o Forte dei Marmi-Sporting, anteontem, em Itália, relativo à quarta jornada da Liga Europeia, com vitória dos italianos, por 3-1, e o afastamento da equipa portuguesa dos quartos de final da prova. Já depois de o encontro terminar, um vídeo posto a circular na internet mostra Enric Torner a aproximar-se de André Girão e, ato contínuo, a aparecer caído no chão, supostamente agredido pelo guarda-redes leonino.
"No final das saudações, há um atleta, o Torner, que se aproxima e, a seguir, a câmara roda e o que se vê depois já é o Torner no chão"
"Os jogadores visitantes não queriam que os rossoblu festejassem e foi por isso que o guarda-redes deu uma testada a Torner", acusou o gabinete de Imprensa dos italianos, dizendo que o Sporting tem de "aprender a perder".
O vídeo existente não mostra, no entanto, o que poderá ter feito o espanhol do Forte, nem se Girão o agrediu. A verdade é que o jogador do Sporting foi logo rodeado de adversários, tentando tirar satisfações, e instalou-se a confusão, com os jogadores a trocarem agressões e outros a ficarem-se pelas tentativas.
Pelo que é dado a ver no pequeno filme, gravado desde a bancada, os árbitros estavam a cumprimentar outros jogadores, pelo que não se terão apercebido da situação.
Antes, ainda durante o jogo, e em especial após o 2-1, já se haviam registado algumas quezílias, uma deles envolvendo Girão.

Fonte / Foto – Jornal “O Jogo”

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação