a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

1.ª D- “Brutus dos ...

sábado , Out. 19 2019
288

Paulo Freitas- “vitória ...

sábado , Out. 19 2019
84

LE- Oliveirense começa ...

sábado , Out. 19 2019
55

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57411

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
25347

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
20218

António Cruz (Juv. ...

sexta , Nov. 25 2016
903

Saiba quais os jogos de ...

domingo , Set. 10 2017
978

"Márcio Rodrigues ...

quinta , Jun. 21 2018
735

interioresinteriores

golaas

O HC Braga não foi de modas e goleou esta tarde de sábado no Pavilhão do “Goladas” o ACR Gulpilhares por 11-3, com o resultado ao intervalo a registar já 7-2 para a formação de Vitor Silva.
Favorito a vencer a equipa do Braga ainda assim viu a equipa do Gulpilhares abrir o marcador aos quatro minutos por Pedro Saraiva.
Foi sol de pouca dura porque o Braga poucos segundos depois empatou por Ângelo Fernandes e logo de seguida foi “Bekas” a fazer o 2-1 e a dar a reviravolta no marcador.
Muito pressionante a equipa do Braga aos seis minutos aumentou para 3-1 por Ângelo Fernandes mas o Gulpilhares voltaria a reduzir, corria o minuto doze por intermédio de João Santos, numa altura que o Braga jogava em inferioridade numérica por exclusão de Márcio Rodrigues por mostragem de um Azul.
O HC Braga não permitiu que o Gulpilhares acreditasse no empate graças a mais dois golos obtidos por Jorge Faria "Rato" e Pedro Delgado "Bekas este de livre directo.
As dificuldades do Gulpilhares eram evidentes e ainda antes do intervalo Carlos Loureiro fez o 6-2, e Jorge Faria "Rato" colocar o 7-2.
O Gulpilhares podia ter reduzido antes mas desperdiçou um livre directo por André Teixeira a penalizar a décima falta bracarense.
Não podia começar melhor o segundo tempo, para o Braga, já que Duarte Machado logo ao minuto dois aumentou para 8-2.
Aos 5' Pedro Delgado "Bekas" fez o 9-2, para aos 9' o mesmo jogador fazer o 10-2 de livre directo pela décima falta do Gulpilhares.
Perante enorme desnível no resultado, o jogo abrandou de interesse e de emotividade.
Com o triunfo mais que assegurado, o HC Braga continuou a criar oportunidades de golo, mas só aos 20' marcou por Gonçalo Meira, depois de uma grande penalidade falhada por Carlos Loureiro.
Respondeu o Gulpilhares encurtando para 11-3 por Pedro Saraiva e estabelecendo o resultado final.

Fonte / Foto – www.hoqueiminhoto.blogspot.pt

workshops para rodapé Noticias NailArt