a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Nelson Mateus vai falar ...

sexta , Abr. 16 2021
76

Vasco da Gama abdica de ...

sexta , Abr. 16 2021
174

Retoma da Atividade ...

sexta , Abr. 16 2021
72

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60160

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28142

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22511

2.ª Sul- Candelária ...

segunda , Nov. 09 2020
303

WSE-RH confirma o ...

sexta , Jul. 17 2020
490

CD Boliqueime e CF ...

quinta , Set. 29 2016
1596

3 Massagista Essencial 2

15127346 1811146015764524 1804590534 o

Sporting CP – AD Sanjoanense 7-2

Depois da derrota pesada sofrida em Barcelos, o Sporting recebeu esta tarde, no jogo que abriu a 7.ª jornada a Sanjoanense e voltou aos triunfos, goleando a equipa de S. João da Madeira por 7-2.
Entrada decidida dos leões que aos 3 minutos inauguraram o marcador por “Tuco”. Partida aberta com os guarda-redes a evidenciarem-se e é a Sanjoanense que chega ao empate dois minutos depois por Afonso Santos. Sergi Miras aos 8 minutos voltaria a colocar a equipa sportinguista na frente do marcador.
Numa primeira parte de ritmo elevado com o Sporting a evidenciar vontade de chegar ao golo, a partida foi interessante de se seguir, com Marco Lopes, o guardião forasteiro, a ir evitando males maiores. Mas a cinco minutos do intervalo Ferran Font aumentou para 3-1.
Não podia ter começado melhor o segundo período já que João Pinto logo ao minuto inicial aumentou para 4-1, dificultando ainda mais a tarefa ao conjunto alvinegro.
“Tuco” poderia ter aumentado o score, mas aos 9 minutos, desperdiçou uma grande penalidade.
Numa segunda parte onde se manteve o domínio dos leões, sempre com um ritmo muito alto dificultando as tarefas defensivas da Sanjoanense, foi sem surpresas, com o decorrer dos minutos que os golos para a equipa de Guillem Perez fossem aparecendo.
Daniel “Poca” Oliveira aos 13 minutos e o seu irmão Ricardo “Caio” Oliveira no minuto seguinte colocaram o placard em 6-1.
Chico Barreira reduz aos 16 na transformação de um LD a penalizar a 10.ª falta leonina mas até final ainda mais um golo, desta feita para o internacional espanhol Pedro Gil de LD após a amostragem de um Azul a Chico Barreira.
Triunfo sem mácula do Sporting que esta tarde em Alverca mostrou-se sempre superior ao conjunto de Paulo Alves, que pese a entrega em rinque, e a jogar sem medos no território leonino, não conseguiu travar a velocidade da formação lisboeta, que viu materializada em golos essa superioridade.

Foto – António Anacleto

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeSobrancelha