a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Nelson Mateus vai falar ...

sexta , Abr. 16 2021
76

Vasco da Gama abdica de ...

sexta , Abr. 16 2021
172

Retoma da Atividade ...

sexta , Abr. 16 2021
72

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60160

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28142

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22511

2.ª D- Sul- Rescaldo da ...

terça , Fev. 02 2016
1337

HC Marco tem como ...

quinta , Set. 22 2016
1395

Convocatória Seleção ...

quarta , Dez. 14 2016
1488

3 Massagista Essencial 2

Hora de balanço da Final Four realizada no passado fim-de-semana na Mealhada com o SL Benfica e HC Braga a sagrarem-se Campeões Nacionais de Sub-13 e Sub-17.

Esta final Four teve a particularidade de os Campeões da época anterior estarem presentes nesta edição 2013-2014, e curiosamente qualquer delas em Infantis (AD Valongo) como em Juvenis (SL Benfica) disputou a final com o título da categoria a passar de mãos nos dois escalões.

sub-13-final-four-mealhada-300x231

Sub- 13

No Sábado nos jogos das meias-finais em Sub-13 o Valongo defrontou a equipa do Sporting CP e teve que se aplicar para levar a melhor sobre os jovens leões. O 1-0 que se registou no final da partida deixou claro o equilíbrio em rinque. A outra meia-final opunha o SL Benfica ao HC Braga. A equipa encarnada candidata na luta pelo troféu venceu por 4-1 mas só na segunda metade conseguiria traduzir em golos a supremacia que exerceu. A formação bracarense com menos argumentos, não deixou no entanto de dificultar ao máximo o trabalho da equipa lisboeta.

No Domingo pela manhã Sporting CP e HC Braga lutavam pelo 3.º e 4.º lugar e aí a equipa de Rui Lourenço não facilitou brindando os minhotos com 9 golos sem resposta. Triunfo claro e categórico dos jovens leões que conquistavam assim o Bronze neste campeonato nacional, melhorando a sua performance relativamente à época transacta onde terminaram na quarta posição após perderem com o Paço de Arcos.
O Jogo da final antevia-se equilibrado e foi o que sucedeu.
Frente a frente o campeão nacional em título e um aspirante que procurava aqui o primeiro troféu neste escalão no historial das Águias.
E o jogo acabou mesmo por ser equilibrado com qualquer das equipas a poder levantar o troféu. Foi mais feliz o Benfica que conseguiu uma margem de golos ainda na primeira metade para conseguir segurar essa vantagem até ao final da partida, com a equipa de Hugo Azevedo a não baixar os braços até ao último segundo na procura de um empate que nunca chegou. Triunfo pela margem mínima do Benfica que sucedia assim ao Valongo na lista de campeões nacionais.

sub-17-final four-mealhada

Sub-17

Em Juvenis a primeira final opôs o HC Braga vencedor da Zona Norte e o Sporting CP que se qualificara na segunda posição na Zona Sul. Jogo onde o equilíbrio foi uma constante com o Braga a ter alguma estrelinha na forma como acabou por vencer esta partida por 4-1. Um golo madrugador obrigou os leões a trabalhar mais conseguindo o empate ainda no primeiro tempo. A segunda metade começou praticamente com mais um golo dos minhotos com o Sporting a beneficiar nos minutos seguinte de um LD e uma GP, que seriam desperdiçadas. Quem não perdoou foi o Braga que sentenciou a partida quase no final com mais dois golos e seguiu para a final da prova.

Na outra meia final o Benfica defrontou a AD Sanjoanense e a diferença qualitativa entre os dois conjuntos ficou expresso no resultado final com o triunfo a sorrir aos encarnados por 10-1. Jogo sem história tal a diferença entre as equipas em rinque.
Na manhã de Domingo o Sporting CP teve pela frente a Sanjoanense na luta pelo 3.º lugar numa partida equilibrada e onde a formação de Franklin Silva deixou uma imagem diferente, para melhor. O triunfo no final sorriu ao Sporting por 3-2, mas teve que defender a magra vantagem perante o conjunto de São João da Madeira que deixou a pele em campo, na luta pelo bronze.
A Final esperada e ansiada opunha os vencedores dos jogos de Sábado, o HC Braga e SL Benfica.
A formação encarnada que entrava no jogo a ostentar o título nacional da categoria conquistada na época transacta em Valongo, acabou por sair vergada a uma derrota imposta pelos minhotos por 4-1.
Numa partida com sinal mais do Benfica no primeiro tempo onde esteve a vencer, permitindo o empate do Braga nos segundos finais antes do intervalo, viria a sofrer as agruras na segunda parte, com a formação liderada por Victor Silva a dar uma lição táctica e a desmontar toda a estratégia que Hugo Lourenço trazia para este jogo. Triunfo “sem espinhas” do conjunto minhoto que inscreveu pela primeira vez no seu historial o seu nome como campeão nacional neste escalão.

Uma palavra final para o público presente, que incentivou desde a primeira hora as equipas em rinque, e aqui destacamos as claques do Valongo e do Braga que foram enormes no apoio às suas equipas. Foi em ambiente de festa que terminou esta edição da Final Four de Infantis e Juvenis que a partir da próxima época será disputada em moldes diferentes.