a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

ED Viana com novidades

sexta , Jul. 19 2019
117

Bruno Mouta no CENAP

sexta , Jul. 19 2019
175

Tiago Guerra: "Deixo o ...

sexta , Jul. 19 2019
284

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
56995

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
24970

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19921

2.ª Div. Norte: AA ...

segunda , Dez. 01 2014
1423

CN Sub-20- 2.ª Fase- ...

terça , maio 19 2015
879

Portugal defende o ...

quinta , Jul. 12 2018
778

interioresinteriores

2divnacional sul

A grande surpresa desta ronda inaugural do nacional da segunda divisão aconteceu em Oeiras com formação local a ser surpreendida pela AJ Salesiana que ali foi vencer por 4-3.
Com o favoritismo a recair sobre o conjunto de Rui Vieira, estes nunca conseguiram sair da malha apertada com que a Salesiana se apresentou em Oeiras, e o caricato aconteceu já no último terço do jogo, com a formação que viajou do Estoril a conseguir marcar dois golos no espaço de um minuto e quando jogavam em inferioridade numérica. Balde de água fria nas ambições, para este jogo, da formação do Oeiras, que certamente não esperava um início de prova assim.
Naquele que era, talvez, o jogo mais importante desta primeira ronda, O Sesimbra não conseguiu travar o melhor jogo do Sintra que foi à Vila Piscatória somar os três pontos. Triunfo da equipa de Paulo Pantana por 5-3, numa partida em que esteve quase sempre na frente do marcador. A formação de Artur Pereira bem se pode queixar de si própria, já que à sua conta desperdiçou cinco lances de bola parada, e viu o guardião do Sintra a exibir-se em grande plano.
Os restantes pretensos candidatos, saíram com os três pontos no bornal.
A começar pelo SC Tomar que recebeu o Marítimo SC, numa partida onde o domínio dos ribatejanos foi sempre uma constante. A formação açoriana apresentou-se cautelosa, fechou bem os espaços, mas a irreverência de muitos do jovens que jogam na equipa tomarense acabou por fazer “mossa” no resultado final que se cifrou em 8-4 para os verdes e brancos.
Em Almeirim a equipa do Tigres, teve que afinar a pontaria durante a partida, já que o desperdício foi mais que muito frente a um CA Campo de Ourique que apostou nesta jogo, em fechar bem os espaços defensivos e procurar no contra ataque a baliza do Tigres. O 3-0 final reflecte essa postura do CACO, com os golos da tranquilidade da formação de Pedro Nifo a surgirem já nos minutos finais do encontro.
Em Valado de Frades, incerteza até ao final no resultado do jogo que opôs o BIR ao SL Benfica-B. A formação local que esteve a vencer por 5-3, não aguentou a pressão final das jovens águias tendo perdido por 6-5.
Já em Coimbra a “Briosa” viu fugir os pontos do encontro que realizou frente ao S Alenquer B nos segundos finais do jogo. Pedro Lourenço conseguiu o golo que garantiu a vitória à equipa de “Tikinho” a 5 segundos do términus da partida e numa fase em que a formação da Vila Presépio jogava em inferioridade numérica. Sofrimento até final, o sortilégio do jogo a recair sobre a formação de Alenquer.
Por fim em Nafarros a equipa local que recebeu o Grândola num jogo que teve 11 ! golos na primeira parte. Intensidade, jogo de parada e resposta com o público a vibrar com as incidências da partida. Segunda parte de maior controle do Grândola que depois de estar a perder por 5-3, conseguiria levar os três pontos para a Vila Morena, fruto do triunfo por 8-6.

Resultados / Classificação Geral

workshops para rodapé Noticias PenteadosdeNoiva