a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Nelson Mateus vai falar ...

sexta , Abr. 16 2021
76

Vasco da Gama abdica de ...

sexta , Abr. 16 2021
172

Retoma da Atividade ...

sexta , Abr. 16 2021
72

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
60160

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
28142

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
22511

Cerimónia de Abertura do ...

segunda , Set. 05 2016
1264

CN Sub20 Norte B: FC ...

segunda , Abr. 10 2017
1475

Nicolía – “Jogar da ...

quinta , Nov. 23 2017
1068

3 Massagista Essencial 2

HC Santiago

Com o Campeonato nacional da 3.ª Divisão a aproxima-se a passos largos as equipas vão ultimando os preparativos para tentar entrar com o patim direito na prova.
É o caso do HC Santiago que no passado fim de semana realizou dois jogos com resultados finais antagónicos.
Depois de na semana anterior ter vencido o CP Beja no reduto destes, no passado Sábado na recepção ao clube da capital do baixo Alentejo, o resultado final acabou por sorrir ao conjunto liderado por Mané Castilho que venceu em Santiago do Cacém por 7-5.
No Domingo foi a vez de defrontar o CF Estremoz, desta feita fora de portas, no caso, em Alcáçovas com o triunfo a ser para a formação do HC Santiago por 6-2.
Foram os últimos jogos antes do início do campeonato nacioanl agendado já para o próximo fim de semana.
Gonçalo Silva o timoneiro da formação de Santiago do Cacém falou ao Site Oficial do Clube e mostrou-se optimista com o trabalho que se está a realizar deixando transparecer muita confiança para a prova que dentro de dias se inicia.
" Este dois jogos foram muito importantes pra nós, temos cerca de 15 treinos realizados desde dia 26 Agosto com 3 jogos de treino, tudo isto debaixo de uma enorme carga física, mas os jogadores tem respondido muito bem, têm treinado de uma forma muito competitiva e honestamente estou surpreendido com a performance de alguns deles, embora lhes tivesse dito que este ano haveria jogadores que iriam jogar substancialmente mais em qualidade, do que no ano anterior.
Estes dois jogos mostraram muitos aspectos que temos implementado este ano, situações que melhoramos em relação a época passada, fruto da forte presença aos treinos de todos, e o espelho disso foi a utilização de 12 jogadores de campo + 2 Gr no jogo com o Beja. Quatro deles muito jovens (2 juvenis+ 2 Juniores) mas é este o caminho a seguir e acreditar que podemos ao longo da época ir vencendo sempre que tivermos competência para tal.
O Campeonato para nós vai ser muito difícil, temos uma equipa diferente do ano anterior, com varias entradas que substituíram outros que saíram e isso vai levar o seu tempo, mas acredito nos meus jogadores, na qualidade deles e sobretudo no grande Coração e vaidade que hoje sentem em jogar no HCS, fruto do forte apoio que temos tido da direcção. Vamos construir o nosso caminho, vamos perder, vamos ganhar mas sobretudo vamos ser nós próprios e unidos muito unidos para que seja mais fácil encarar a dura e longa época que se avizinha.
Por fim queria dizer e referir que é um orgulho muito grande treinar esta equipa e estes jogadores, e nao vão ser as derrotas que me vão fazer dizer o contrario. Aqui todos os anos é quase como começar do zero, isso dá um trabalho enorme, mas é um desafio aliciante para mim enquanto treinador, que me "faz perder tempo" todos os dias para pensar no Hóquei que é uma grande paixão na minha vida e assim poder evoluir de forma a potenciar cada vez mais qualquer atleta."

Fonte: HC Santiago

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeSobrancelha