a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Ricardo Barreiros- “Será ...

quarta , Abr. 24 2019
69

CN Sub-20- Facundo ...

quarta , Abr. 24 2019
352

Incidentes ditam três ...

quarta , Abr. 24 2019
329

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
56608

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
24592

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19622

Fernando Almeida ...

quarta , maio 18 2016
2303

Diogo Verde reforça o ...

sexta , Set. 04 2015
883

AP Ribatejo- Realização ...

terça , Fev. 23 2016
843

MAQ Q

2div sul

A aproximar-se do final, ainda muitas dúvidas no ar. Se na frente a luta está resumida a dois Clubes, já no fundo da tabela são muitas equipas ainda sem garantia de permanência nesta divisão secundária.
O BIR que depois de muito “penar” conseguiu sair da zona de despromoção, quase não tem tempo para respirar. Recebe este Sábado em Valado dos Frades o SC Tomar que não pode perder pontos se quiser manter a pressão sobre a AE Física na luta pelo primeiro lugar da classificação geral.
Muito trabalho em vista para o conjunto de João Sousa, que tem aqui um jogo de grau de dificuldade enorme.
O Alcobacense por sua vez, depois da derrota sofrida na passada jornada frente ao União FE, ficou com a vida ainda mais difícil. No entanto recebe este Sábado no Municipal de Alcobaça a formação do S Alenquer B que está a um pequeno passo de garantir a permanência. Jogo de nervos de parte a parte, este que se realizará em Alcobaça no próximo sábado a partir das 18 horas.
No “Albano Mateus” no Entroncamento, mais um jogo de aflitos, com a formação Unionista a receber o HCP Grândola numa partida onde é quase obrigatório um triunfo da equipa orientada por Pedro Nobre. Depois do triunfo obtido em Alcobaça, a moral dos unionistas está em altas e poderão aproveitar algum relaxamento da equipa que viaja de Grândola, que ocupa a 4.ª posição de forma confortável e tentar surpreender na luta pelos tres pontos.
O Sintra por sua vez, depois de uma primeira volta ao nível que habituou nos últimos anos, está a ter uma segunda volta da prova a todos os níveis, mau. Apenas uma vitória e um empate, nas nove partidas realizadas, deixam a formação de Sintra numa posição incómoda na parte de baixa da tabela classificativa.
E esta jornada não augura nada de bom para a formação agora orientada por Paulo Pantana. Desloca-se ao reduto do Benfica- B, jogo este que se realizará em Murches, e embora possa já contar com Quintino e Paulo Dias, será um teste muito duro à formação sintrense.
Em Sesimbra a equipa local que soma duas derrotas consecutivas, recebe no seu Pavilhão a equipa do Marítimo SC. Jogo onde a formação de Artur Pereira pode voltar aos triunfos, embora tenha pela frente um conjunto que luta pela permanência, e deverá ser incómoda nesta deslocação à Vila Piscatória.
Em Torres Vedras, a AE Física recebe o Oeiras num jogo onde a formação de André Gil parte como favorita na conquista dos tres pontos. A liderar a prova desde a jornada 1º a equipa torriense procura voltar ao convívio dos grandes e está a um pequeno passo de o conseguir.
Por fim em Nafarros a equipa de Pedro Feliz recebe a Salesiana, duas equipas que somam o mesmo número de pontos (34) e sem grandes pressões nesta fase do campeonato, limitar-se-ão a procurar o triunfo. A jogar no seu reduto a formação do Nafarros que na primeira volta perdeu no Estoril por 2-1, deverá querer rectificar este desaire, numa partida onde parte como favorita à conquista dos tres pontos.

Resultados / Classificação Geral