a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

TP- CA Feira “empurra” ...

domingo , Jan. 23 2022
0

TP- Barcelos segue em ...

domingo , Jan. 23 2022
0

A lei do mais forte ...

sábado , Jan. 22 2022
22

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
61639

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
30163

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
24455

AP Aveiro- Estão abertas ...

segunda , Mar. 18 2019
1009

SL Benfica em testes ...

sábado , Set. 01 2018
1080

Leões não facilitam na ...

domingo , Jun. 11 2017
1382

3 Cabeleireiro Inicial

Terronia

10434195 911875478839822 2687045005440563713 n

O Parede FC “derrapou” na deslocação a Murches ao empatar a 7 bolas em jogo referente à 20.ª jornada do Nacional da terceira divisão- sul, e viu o seu mais directo adversário, o CA Campo Ourique deslocar na liderança, ao vencer esta tarde em Cascais a equipa local por 4-2.
Naquela que era a partida mais “quente” desta ronda a formação da Linha teve tudo para somar os tres pontos, mas um minuto fatídico (aos 17 minutos da segunda metade) onde sofreu 3 golos vendo a vantagem de 73- ficar reduzida a 7-6.
Minutos iniciais divididos embora com ligeiro ascendente da formação do Parede, acabariam por dar oportunidade para a formação, hoje orientada por Pedro Gonçalves inaugurar o marcador. Mas no minuto seguinte a equipa de Pedro Favinha a empatar a uma boal, numa jogada onde a defesa da equipa forasteira ficou mal na fotografia. E é mesmo a formação da casa que vira o resultado fazendo o 2-1.
A partir daí até ao intervalo seria no entanto a equipa do Parede a mandar na partida, e quando soou o apito para as equipas recolherem para o descanso, a formação da linha vencia já por 6-3.
A equipa da casa entra par a segunda metade com ganas de reduzir o que consegue, logo nos minutos iniciais, mas o Parede a gerir bem a posse de bola e a atacar sempre pela certa volta a facturar e chega ao 7-3 de forma natural.
Mas, como dissemos no início da crónica, o minuto dezassete foi de total descalabro na defensiva do Parede que viu Gonçalo Favinha marcar por tres vezes. Distracções, precipitações, na defesa do Parede, o certo é que o experiente avançado do Murches não perdoou na hora da verdade.
Com 6-7 no marcador, o Murches acreditou e aos 22 minutos chega ao empate por intermédio de João Pereira.
Até ao final foram tres minutos loucos e impróprios para cardíacos, com as duas equipas a falharem oportunidades soberanas e que podiam ter valido os tres pontos.
Assim e após esta jornada o Parede FC viu o CACO assumir a liderança sozinho, agora com 52 pontos, mais dois que o Parede FC.