a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Tato Terruccio ...

domingo , Jul. 12 2020
74

Comunicado Conjunto das ...

domingo , Jul. 12 2020
76

Tomás Pereira foi ...

sexta , Jul. 10 2020
171

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
59010

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
26874

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
21399

Gustavo Lima (Juv. ...

sexta , Jun. 01 2018
620

GOLDEN CUP 2017 – Grupo ...

terça , Set. 26 2017
883

Nafarros organiza ...

quarta , Jun. 14 2017
1166

pluri unhas J

oliveirense sanjoanense

A Oliveirense goleou nesta quarta-feira a Sanjoanense por 9 bolas sem resposta, numa partida onde o jovem internacional Gonçalo Alves fez as redes da Sanjoanense mexerem-se por 4 vezes.
Domínio da formação de Tó Silva desde o início da partida e o 4 -0 ao intervalo era reflexo dessa supremacia da Oliveirense em rinque. Tó Silva por duas vezes, Gonçalo Alves e Martin Montivero foram os autores dos tentos da equipa da casa na primeira metade.
Etapa complementar com um inicio mais equilibrado, mas com o passar dos minutos o diferencial entre as duas formações começou a ser mais notório, com a equipa da casa a conseguir iludir a defesa contrária e em consequência disso a ir aumentando o score de forma natural. Aos 11 minutos, Gonçalo Alves aumenta para 5-0, Albert casanovas aos 13 desperdiça uma GP, Rúben Pereira faz o 6-0 aos 16 minutos, Gonçalo Alves de LD, aos 17 minutos aumenta para 7-0 e no minuto seguinte faz o seu quarto golo, o oitavo da formação da Oliveirense. Segundos depois a Sanjoanense tem a oportunidade de fazer o golo de honra, mas Chico Barreira não consegue ludibriar Xavier Puigbi na marcação de um CA mostrado a Gonçalo Alves.
Numa fase de jogo onde a vitória da equipa de Tó Silva estava mais que garantida, Rúben Pereira fecha a contagem a tres minutos do final do tempo regulamentar ao bisar na partida e a fazer o 9-0.
Triunfo tanto de justo como de fácil da formação da Oliveirense que mantém a 3.ª posição, agora isolada, fruto da derrota sofrida pelo Valongo em Barcelos.
Quanto à Sanjoanense manteve a 12.ª posição com 11 pontos e mantem-se abaixo da linha de água.

Foto: António Anacleto