a c e b o o k
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

HC Santa Cruz apresenta ...

segunda , Jul. 22 2019
54

Domingos Pinho pode ...

segunda , Jul. 22 2019
277

Pedro Ferreira deixa AA ...

segunda , Jul. 22 2019
267

Hóquei fica mais pobre

segunda , Jul. 30 2018
57005

Patinagem reconhecida ...

segunda , Nov. 09 2015
24976

CM Feminino- Portugal ...

sábado , Out. 01 2016
19925

Inscrições na 1.ª Etapa ...

segunda , Jul. 13 2015
1081

Rescaldo da jornada- FC ...

terça , Nov. 13 2018
317

1.º Torneio ...

terça , Fev. 02 2016
1047

interioresinteriores

10592906 286689144856076 5678080780100975420 n

A UD Oliveirense regressa este Sábado ao Pavilhão “Dr. Salvador Machado” em Oliveira de Azeméis em jogo frente ao Carvalhos.
Tó Silva um dos mais experientes jogadores da formação agora orientada por Vítor Fortunato falou ao site do Clube onde fez a antevisão da partida que amanhã se realizará.
"Não vai ser um jogo fácil. Sabemos do nosso valor e só podemos vencer, não temos outra alternativa. Não vimos de resultados positivos nos jogos de campeonato e está a faltar-nos a dinâmica de vitória, portanto queremos começar isso agora".
"Todos os jogos, temos de estar em alerta máxima e temos o aviso daquilo que nos aconteceu na época passada no jogo com eles, Carvalhos. Não há jogos fáceis e eles vêem de um resultado positivo com a Candelária, mas estamos preparados para o jogo. Sabemos os pontos fortes do Carvalhos e só podemos pensar em ganhar".
Sobre o momento menos bom que a equipa atravessa, Tó Silva não se escondeu em subterfúgios, e deixa uma palavra de optimismo aos sócios.
"Se formos a ver o grande desaire que tivemos até agora foi nos Açores, perder no Dragão é algo que tem sido normal, mas é certo que não fomos deslumbrantes, mas temos de ver e os adeptos também têm de perceber que há muita coisa nova e ainda estamos no início da época. Nesta altura estamos a trabalhar forte e cada dia nos sentimos melhores e mais fortes. Os adeptos podem estar tristes com as exibições, mas nesta altura o grande objectivo é ganhar, se o nosso hóquei for contagiante melhor, mas o nosso primeiro foco há-de sempre ser primeiro os três pontos".

Fonte: UD Oliveirense