a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Leões entram com o patim ...

Quarta-feira , Set 22 2021
62

Candelária conquista o ...

Quarta-feira , Set 22 2021
34

“Só o melhor Sporting CP ...

Quarta-feira , Set 22 2021
34

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61031

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
29244

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
23581

Parede FC – Luís Rolão ...

Domingo , Ago 28 2016
2009

CN Sub-17 – Zona Sul – ...

Terça-feira , Abr 04 2017
1577

FPP- Formação Creditada- ...

Quinta-feira , Dez 03 2020
377

05 Barbeiro Completo 500h Pluriform

PedroGil2 500x500 1

O avançado, que deixou o Sporting, está a caminho do Forte dei Marmi, onde já jogou três épocas e foi campeão transalpino.

Pedro Gil, avançado de 41 anos que representou o Sporting nas últimas cinco temporadas, deixou Alvalade e vai continuar a jogar para representar os italianos do Forte dei Marmi.

Para o jogador trata-se de um regresso a um clube onde esteve de 2013/14 a 2015/16, tendo sido tricampeão.

Recorde-se que o antigo internacional espanhol rescindiu com o Sporting, com o qual se sagrou duas vezes campeão nacional e duas vezes campeão europeu.

Pedro Gil, um dos mais reputados a nível mundial, detém um currículo recheado de conquistas, tendo ganho todas as competições. Em Portugal, onde representou Infante Sagres (2000/01 - 2001/02), FC Porto (2002/03 - 2006/07; 2009/10- 2011/12) e Sporting (2016/17 - 2020/21), conta nove títulos nacionais, quatro Supertaças e duas Taças de Portugal.

Em Itália, onde jogou pelo Valdagno (2012/13) e Forte dei Marmi (2013/14 - 2015/16), foi quatro vezes campeão transalpino, ganhou três Supertaças e uma Taça de Itália.

O jogador, que se iniciou no Noia (para onde regressa Jordi Bargalló, que saiu da Oliveirense), teve passagem de dois anos pelo Reus (2007/08 e 2008/09), onde conquistou um Mundial de clubes e se sagrou campeão europeu. Este título voltou a conquistá-lo em Alvalade (2018/19 e 2020/21).

Com a seleção de Espanha dominou as principais provas, ganhando seis Mundiais, sete Europeus e ainda três Taças das Nações.

Fonte- Jornal “O Jogo”

04 Técnico de Massagem 1200h