a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

2.ª Norte- Famalicense ...

Segunda-feira , Out 18 2021
7

SC Marinhense soma ...

Segunda-feira , Out 18 2021
6

AJ Viana emite ...

Segunda-feira , Out 18 2021
5

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61136

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
29382

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
23722

Nuno Domingues mostra ...

Sábado , Mai 09 2020
1068

CR AP Lisboa- Sub-15 * ...

Quarta-feira , Jan 06 2016
1526

João Rodrigues e o ...

Terça-feira , Ago 29 2017
1539

05 Barbeiro Completo 500h

190658806 174969281298324 7849807779430671105 n

Gonçalo Alves antevê o jogo 3 das “meias” do campeonato de hóquei em patins, na Luz (quarta-feira, 20h00).
O FC Porto torna a entrar em pista esta quarta-feira (20h00, FC Porto TV/Porto Canal) com um claro objetivo em mente: adiar a decisão das meias-finais do nacional de hóquei em patins. Depois de duas derrotas caseiras, os Dragões defrontam o Benfica no Pavilhão da Luz e só a vitória é suficiente para manterem vivas as esperanças na revalidação do título. Para Gonçalo Alves, o terceiro clássico é decisivo, pelo que o FC Porto tem de “ser suma equipa mais coesa, dar menos contra-ataques” para poder vencer. “Gostamos de jogar hóquei em patins e temos a sorte de o poder fazer num grande clube. Só temos que dar tudo até ao final. Nós acreditamos que é possível, muita gente já não acredita, mas nós vamos lutar até ao final. É isso que queremos: vencer para estarmos no quarto jogo”, concluiu o maior artilheiro da prova.

Falta de eficácia nos jogos 1 e 2
“Contra o Benfica criámos muitas oportunidades e fomos muito pouco eficazes na finalização, mas deixámos muitos contra-ataques para eles ficarem com dois para um e três para dois. Isso é algo que não podemos fazer na quarta-feira se quisermos vencer o Benfica na Luz. Temos de ser uma equipa mais coesa, dar menos contra-ataques, para podermos vencer.”

Fonte de motivação
A inspiração é dar tudo por este clube. Este clube dá-nos tudo, mensalmente e ano após ano. Temos de pensar mais no clube e menos na motivação ou inspiração que vamos arranjar para defrontar o Benfica. Temos de pensar no grande objetivo, que é chegar à final. É difícil, sim, mas não vai ser impossível. Vamos dar tudo para conseguirmos vencer esta partida e voltarmos para o quarto jogo.

A condição de visitante
O pavilhão é diferente, mas o facto de não haver adeptos torna a situação mais fácil. Acho que temos de pensar que é o campo do Benfica, mas temos de vencer se não vamos de férias. Não queremos perder uma meia-final por 3-0 e temos um foco muito grande para levar isto até ao quarto jogo. Aí logo veremos.”

Reação aos resultados negativos
Nós fazemos o que gostamos. Gostamos de jogar hóquei em patins e temos a sorte de o poder fazer num grande clube. Só temos que dar tudo até ao final. Nós acreditamos que é possível, muita gente já não acredita, mas nós vamos lutar até ao final. É isso que queremos: vencer para estarmos no quarto jogo.

Fonte- FC Porto

15