a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

2.ª- Sul- Parede abanou ...

Sexta-feira , Jun 11 2021
146

Nery assina pelo Riba ...

Sexta-feira , Jun 11 2021
509

2.ª Sul- Paços Arcos ...

Sexta-feira , Jun 11 2021
168

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
60350

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
28373

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
22728

HC Paço Rei abre portas ...

Sexta-feira , Ago 21 2015
1505

AP Lisboa- Treinos do ...

Sexta-feira , Dez 02 2016
1392

Os " 10 " da AP Minho ...

Segunda-feira , Dez 29 2014
1834

10

rof 0443

O Sporting CP garantiu a final da Liga europeia ao bater o SL Benfica por 7-6 nas grandes penalidades.

Depois de um empate a 3 bolas no final do tempo regulamentar, mais dois golos para cada lado no prolongamento, acabaria por levar o jogo para o sortilégio das grandes penalidades e aí o Sporting a ser mais feliz e a vencer por 2-1, garantindo a presença na final frente ao FC Porto.
Uma reedição da ultima edição em 2019, na altura disputada no “João Rocha” e onde a formação leonina venceria.
Um jogo intenso e equilibrado aquele que se assistiu no Luso, entre os rivais da 2.ª circular.
O Benfica marcou cedo por Nicolía. O Sporting empatou aos 13 minutos por Platero, mas voltaria a ser o Benfica a ganhar vantagem pouco depois por Ordoñez. No entanto ainda antes do intervalo Ferran Font colocaria novamente a partida empatada, agora a duas bolas.
A etapa complementar não poderia começar melhor para as águias que logo nos segundos iniciais fizeram o 3-2 por Ordoñez, mas a resposta dos leões foi rápida já que na bola de saída surpreenderam a defesa encarnada com “Toni” Perez a fazer o empate a três bolas.
Resultado que se manteve até ao final da etapa complementar.
Mais golos só no prolongamento onde o Sporting pela primeira vez ganhou vantagem, Matias Platero fez o 3-4, o Benfica emnpatou por Sergi Aragonez, e Ferran Font, mesmo no soar do gong do primeiro período do prolongamento voltou a dar vantagem ao Sporting CP.
Seria Nicolía a repor o empate a 5 bolas na etapa complementar, com o resultado a manter-se inalterado até final.
Na série de grandes penalidades manteve-se o equilíbrio com o resultado a registar um empate a seis bolas (golos de Nicolía e Verona) e seria na série a eliminar que Verona fez o 7-6, Nicolía falhou com a explosão de alegria a dar-se do lado do Sporting CP que vai assim defender o título que mantem na sua posse.

Foto- Sporting CP

cabeleireiroinicial cartaz