a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

HC Fão abdica de ...

Terça-feira , Abr 13 2021
49

CNF- Leoas aplicam ...

Segunda-feira , Abr 12 2021
83

LE- Resumo SL Benfica- ...

Segunda-feira , Abr 12 2021
121

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
60155

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
28136

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
22494

2.ª D- Zona Sul- ...

Quinta-feira , Out 15 2015
1444

1.ª Div: Sporting foge ...

Terça-feira , Dez 19 2017
899

Nuno Carrão assume ...

Segunda-feira , Jul 01 2019
1049

3 Massagista Essencial 2

lifpp

O Hóquei Minhoto abordou os cinco clubes do Minho, Cartaipense, AD Limianos, HC Braga B, ED Viana e HC Fão, presentes na terceira divisão nacional, serie A e chegou a uma conclusão, depois de quase quatro meses sem competição.

Quase todos querem jogar, mas a incerteza em relação ao futuro e consequências da pandemia do covid 19, motiva alguma apreensão pela prova terminar em julho com as famosas jornadas duplas, se terminar...

E se aparecerem casos covid 19 em algumas equipas, inclusive nas formações que estão com jogos atrasados, como se organiza o calendário desses encontros? É que em outubro do ano passado estavam com números de covid 19 muito próximos do previsto para abril de 2021...

Recorde-se que é nesse mês de julho que alguns dos atletas que não são profissionais tiram o habitual período de férias e onde os jogadores mais jovens, fazem os seus exames académicos.

Outra questão levantada é a utilização dos pavilhões municipais para receber essas jornadas duplas.

Olhando para a classificação com apenas duas jornadas completas em oito rondas, o Cartaipense ( - 4 jogos ) é segundo classificado, a AD Limianos ( - 4 jogos ) em quarto lugar, HC Braga B ( - 3 jogos ) quinto posto, ED Viana ( - 3 jogos ) em décimo e o HC Fão ( - 4 jogos ) em décimo primeiro.

Os últimos clubes minhotos a terem um jogo realizado, são a ED Viana no dia 13 de dezembro, o HC Braga B no dia 20 dezembro e a AD Limianos no dia 22 de dezembro de 2020, enquanto que Cartaipense e HC Fão estão parados desde 29 de novembro de 2020.

A prova tem inicio marcado para o dia 18 de abril, sendo que até ao dia 2 de maio o calendário poderá em principio em ordem.

Existem clubes com bastantes jogos em atraso, caso do HC Marco com seis, HC Maia e Académico FC com cinco.

A vontade é jogar, mas todos acham que a prova é uma incógnita neste momento, tendo o Cartaipense afirmado que muito dificilmente o campeonato será possível decorrer nas condições propostas na reunião entre os clubes e a FPP.

Para o presidente do Cartaipense, Ricardo Mota, a decisão está na vontade dos atletas jogarem nesta condições.

" Para o Cartaipense existe uma forte convição em não participar no campeonato nas condições apresentadas.

Como ninguém sabe como irá continuar a pandemia, corremos o risco de tal como em Outubro, alguns jogos serem adiados. Vamos ouvir os jogadores. A decisão de jogar, passa muito pela vontade deles. Na opinião do Cartaipense mais vale continuar a treinar e claro aproveitar e preparar a próxima temporada."



Quanto ao HC Fão a vontade é jogar, como referiu o presidente Rui Branco. " Estamos na disposição de jogar e completa a prova. Sabemos no entanto que nada é certo que ela chegue ao fim. Os clubes da terceira divisão sofreram muito com esta pandemia. Fomos esquecidos durante muito tempo, onde apenas se jogou a primeira divisão. A prova é que no escalão maior a pandemia também obrigou a muitos adiamentos ".

Por parte da AD Limianos, a intenção é terminar o campeonato segundo palavras de Cristina Teixeira, diretora do clube de Ponte de Lima " Queremos cumprir o compromisso feito com os atletas. É nosso propósito já começar a preparar a próxima época, por isso vamos, se for possível, jogar até ao fim. Subir de divisão é o nosso objetivo mas perante as atuais condições pensamos que é impossível alcançar. Da nossa parte, também colocarmos muitas duvidas se a prova terá a sua conclusão. São muitos os jogos em atraso, pelo que teremos de organizar esses jogos com os treinos".

Confiantes estão Márcio Rodrigues e Luís Viana treinadores do HC Braga B e da ED Viana.

" Porque não jogar até ao fim? Se queremos que esta modalidade não seja mais prejudicada, vamos jogar. O HC Braga B vai com os seus jovens, fazer aquilo que gostam, jogar. Penso que até é bom para todos depois do enorme desgaste emocional que todos atravessamos. Naturalmente que tudo é uma incógnita neste momento. Porque razão a terceira divisão não deve ter o seu calendário completo.", questionou, o técnico, Márcio Rodrigues.

Do lado da ED Viana, o treinador Luís Viana também mostrou vontade em jogar. " Nada é certo com todo este tipo de pandemia que atravessamos, No entanto por parte da ED Viana a vontade é jogar o que falta. Queremos é jogar e desfrutar da modalidade. Todos temos de fazer sacrifícios pelo hóquei em patins, senão daqui a uns anos não há jogadores e equipas."

O Hóquei Minhoto agradece a todos os clubes minhotos a disponibilidade de transmitirem a sua posição sobre o seu futuro.

Não é só a primeira divisão que merece ter destaque.

Estão parados, não jogam, mas estão vivos !

Fonte: www.hoqueiminhoto.blogspot.com