a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Leoas na Final da Taça ...

Sábado , Jul 02 2022
7

Sub-15- Fase Final- ...

Sábado , Jul 02 2022
6

Sub-19- Fase Final- ...

Sábado , Jul 02 2022
12

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62095

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30890

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25041

Convocatória para Centro ...

Terça-feira , Abr 19 2022
255

TP Fem: SL Benfica segue ...

Sábado , Nov 25 2017
1437

“Ursos” seguem para as ...

Quinta-feira , Set 24 2015
1807

massagista inicial

vbr

Faleceu esta terça-feira, aos 84 anos, Vladimiro Brandão, figura incontornável do hóquei em patins do FC Porto, tendo sido o treinador que conduziu o FC Porto ao primeiro título nacional de hóquei em patins da história do clube.
Na época 1982/83, Vladimiro Brandão era o treinador portista e foi com ele que os Dragões venceram o primeiro Campeonato Nacional da modalidade, ao baterem o Benfica (3-1) no então denominado Pavilhão Gimnodesportivo das Antas.
Semanas antes da conquista do tão desejado título nacional, o FC Porto de Vladimiro Brandão ergueu a Taça das Taças (a segunda do historial portista depois do êxito de 1981/82), também frente ao Benfica. Depois do empate a dois golos nas Antas, registou-se nova igualdade em Lisboa, desta vez a cinco bolas, que se manteve no prolongamento. No desempate por penáltis, Vítor Bruno foi o único a marcar e o guarda-redes dos Dragões, Domingos Guimarães, defendeu todos os remates dos lisboetas.
Natural de Espinho, Vladimiro Brandão também se aventurou no hóquei em campo, no futebol e no voleibol, mas foi no hóquei em patins que se celebrizou, até porque estamos a falar do treinador que conduziu o FC Porto ao primeiro tricampeonato do clube na modalidade (1982/83, 1983/84 e 1984/85). Este facto ganha maior relevo por terem sido os primeiros três títulos nacionais do FC Porto no hóquei em patins. Antes de ceder o lugar a Cristiano Pereira, em 1985, juntou ao palmarés portista duas Taças de Portugal (1982/83 e 1983/84) e uma Supertaça (1983/84).

Fonte- FC Porto * Foto- Jornal “O Jogo”

3 Quarta