a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

HC Fão quer regressar ao ...

Quarta-feira , Jul 08 2020
90

Carta Aberta do ...

Quarta-feira , Jul 08 2020
220

Jorge Nunes é o novo ...

Quarta-feira , Jul 08 2020
126

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58977

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26838

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
21379

Ricardo Silva: “Teremos ...

Sexta-feira , Jan 22 2016
1310

Selecção de Sub-20 volta ...

Quarta-feira , Out 01 2014
2262

Camp. Nac. Norte - 2.ª ...

Sexta-feira , Fev 27 2015
1350

pluri unhas J

72330362 2473354332877126 771034225490001920 n

O HC Sintra entrou da melhor maneira nesta edição 2019-2020 do Nacional da 2.ª divisão-sul ao derrotar o Biblioteca IR de forma convincente e por claros 9-4.
O BIR que entrava nesta ronda inicial como favorita, até pelos reforços da equipa de Valado dos Frades, acabou por ser surpreendida pela formação sintrense que soube aproveitar bem as desatenções defensivas do conjunto de Horácio Honório.
Seria a equipa do Sintra a inaugurar o marcador por Tiago Pedro mas Lucas Vicente empataria pouco depois. O BIR aos 17 minutos viu o seu guardião Nuno Peça ter que ser substituído, por lesão o que condicionaria a estratégia da formação de Valado de Frades que até ao intervalo sofreria mais 3 golos, apontados por Bernardo Maria (2) e Diogo Coutinho.
A perder por 4-1 a formação forasteira entrou a tentar encurtar distâncias, mas depressa sofreria mais um tento, logo ao segundo minuto por Fábio Quintino. Tomás Silva aos 5 minutos elevou para 6-1, deixando ainda mais desnivelado o resultado.
A jogar bem, motivada pela vantagem no marcador o conjunto de Rui Mateus, soube então gerir o resultado e tentar aproveitar os erros defensivos da equipa forasteira para a ferir de morte. Rafael Monteiro reduziu para 6-2, mas depressa veio a resposta do Sintar que marcou por mais duas vezes (Bernardo Maria e Tomás Silva).
João Marques aos 15 minutos e Rafael Monteiro aos 21 minutos, reduziram e colocaram o resultado em 8-4, mas a um minuto do terminus do encontro, Diogo Coutinho fechou a contagem ao apontar o 9-4, com que terminou o jogo.
Triunfo moralizante para a formação do HC Sintra perante um adversário com outras ambições nesta prova.

Segunda Feira