a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Diogo Carrilho de ...

Terça-feira , Nov 19 2019
396

CNF- Águias com jornada ...

Terça-feira , Nov 19 2019
46

FPP- Código de Conduta ...

Terça-feira , Nov 19 2019
102

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
57606

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25527

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20340

Argentina vence a 67.ª ...

Domingo , Abr 16 2017
2990

Resumo Liga Europeia ...

Terça-feira , Dez 12 2017
819

Bargalló, o eterno 9 do ...

Quinta-feira , Jul 07 2016
1156

interioresinteriores

eupi

Quem o afirma é Eurico Pinto, o Homem forte do HP do FC Porto ao jornal "Record".
Após a final da Taça Continental disputada no passado domingo no "João Rocha", o Director para o hóquei azul e branco, teceu duras criticas à dupla de arbitragem e de forma velada, à organização deste evento, deixando no ar a ideia de um constante prejuízo para a formação do FC Porto nos jogos de decisão.
“A última coisa que quero é justificar os insucessos com a arbitragem” começa por dizer, reconhecendo inclusive o valor da dupla espanhola que arbitrou a partida entre Sporting CP e FC Porto com o triunfo a sorrir aos leões por 3-2, mas várias más decisões e erros, segundo Eurico Pinto, prejudicaram de forma decisiva a sua equipa.
“Já tive oportunidade de rever o jogo e aquilo que se passou foi uma vergonha. Agressões a jogadores do Porto, que passaram sem cartão, e numa delas, ao Di Benedetto, ainda levamos uma falta”.
Por fim deixa claro que não vai deixar morrer esta situação , ponderando uma queixa aos órgãos europeus responsáveis pela prova.
“Estamos a preparar uma exposição, porque há vários lances que são inacreditáveis. Chega de não respeitarem os jogadores e treinador do FC Porto”.

Fonte- Jornal “Record”

Quarta Feira