a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Miguel Fortunato- ...

Sexta-feira , Abr 03 2020
72

Reinaldo Ventura à ...

Sexta-feira , Abr 03 2020
72

Reunião FPP e Clubes da ...

Quinta-feira , Abr 02 2020
63

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58458

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26342

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20973

Campeonato da ...

Sexta-feira , Set 04 2015
1776

Benfica Vence ...

Sábado , Dez 16 2017
813

CP Voltregà quebra a ...

Terça-feira , Fev 03 2015
1778

interiorespluri unhas J

5be7075c7cfe0FEG0GlnhBZyQxkYC

FC Porto Fidelidade venceu o Sporting de Tomar por 5-2, com cinco golos do avançado português, que recordou o avô, que faleceu no inicio da semana.
Os jogadores do FC Porto Fidelidade cumpriram o que tinham prometido durante a semana: dar uma resposta de força ao que aconteceu na jornada anterior, no clássico frente ao Benfica. A equipa portista venceu o Sporting de Tomar no Dragão Caixa, por 5-2, na quinta jornada do Campeonato Nacional.
O jogo ficou marcado por uma sentida homenagem de Gonçalo Alves ao avô, que faleceu na passada segunda-feira. Com o nome do avô na camisola (António Alves), o internacional português acabou por ser a grande figura do encontro, assinando os cinco golos portistas. António Alves foi igualmente praticante de hóquei em patins, como guarda-redes, no Oeiras.
Gonçalo Alves inaugurou a contagem ao sexto minuto de jogo, na recarga a uma grande penalidade que o próprio converteu, e assinou o 2-0 no último segundo da primeira parte. Pelo meio, o Sporting de Tomar ofereceu a resistência esperada, obrigando o FC Porto Fidelidade a exibir-se a bom nível. Nélson Filipe, com um par de intervenções seguras, foi travando as intenções dos visitantes.
Ainda na etapa inicial, Poka gerou preocupação ao levar com uma bola na cara. Depois de fazer gelo, o reforço azul e branco regressou ao rinque no início da segunda metade do encontro. O Sporting de Tomar não entregou os pontos e conseguiu responder na etapa complementar, com o capitão Ivo Silva a reduzir a desvantagem ao 31.º minuto de jogo. Os Dragões rebateram a pressão com mais dois golos de Gonçalo Alves, Xanoca fez o 4-2 num lance confuso mas o avançado do FC Porto estava numa tarde imparável e chegou à mão cheia de golos ao minuto 49, fixando o resultado final.

Fonte/Foto- FC Porto