a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

FC Porto vence o ...

Segunda-feira , Jan 27 2020
15

2.ª D Norte- Valença ...

Segunda-feira , Jan 27 2020
30

SL Benfica conquista ...

Segunda-feira , Jan 27 2020
34

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58073

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25955

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20685

Municipio de Viana do ...

Quinta-feira , Set 08 2016
1017

Mau tempo adia clássico- ...

Quarta-feira , Mar 11 2015
1470

Rodrigo Martins é ...

Quinta-feira , Set 21 2017
1847

interioresCabeleireiro ESS Q

27654939 10155105290327854 1888162969293942448 n

CA Campo Ourique – Académica de Coimbra 8-9

O Campo Ourique saiu da Taça mas vendeu cara a derrota frente à “Briosa” em jogo que contou para os 16 avos de final da taça de Portugal.
A Académica entrava como favorita, até pelo facto de estar a militar num escalão superior, mas nos cinquenta minutos de jogo teve que se aplicar perante uma equipa alfacinha que nunca virou a cara à luta e deu trabalho ao conjunto forasteiro até aos segundos finais do encontro.
A Académica iniciou da melhor maneira e aos três minutos vencia já por 2-0. Respondeu o CACO que reduziu pouco depois mas a resposta da Briosa foi célere e aos 7 minutos vencia por 4-1. Mais golos na primeira parte, já perto do intervalo com as duas equipas a marcarem mais um golo.
A vencer por 5-2 a formação da Académica tentava gerir a vantagem mas o CACO não facilitava e reduziria para 5-4, estavam decorridos 10 minutos desta etapa complementar.
Nova reacção da Briosa que aos 21 minutos vencia por 94.
Mas mais uma vez a irreverencia da formação lisboeta a deixar em sentido a equipa de Coimbra, já que nos minutos finais chegou ao 9-8, deixando o suspense do prolongamento no ar, situação que acabou por não suceder.
Valeu neste jogo a inspiração de Fábio Vieira (AAC) que à sua conta apontou seis dos 9 golos da Briosa.
Partida, em suma, interessante de se seguir, com muitos golos e emoção até ao fim entre duas formações que deixaram claro que queriam seguir em frente na prova. Segue a Académica, que teve mais e melhores argumentos nos momentos chave do jogo para vencer esta partida.
Os golos do CACO foram da autoria de Gabriel Monginho (3), Paulo Tembo (2), André Lopes, Rodrigo Lopes e Tiago Rodrigues. Do lado da Académica destaque como já referimos para os seis golos de Fábio Vieira com os outros tentos a serem apontados por João Timóteo (2) e Diogo Graça.

Foto- facebook da AAC

workshops para rodapé Noticias AutoEpilação