a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Paulo Freitas- “O nosso ...

Domingo , Mai 22 2022
9

FC Porto, Sporting CP e ...

Domingo , Mai 22 2022
8

Sporting CP sofre mas ...

Domingo , Mai 22 2022
9

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61969

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30693

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
24905

Diogo Pereira- “O Parede ...

Sexta-feira , Nov 04 2016
1697

Resumo 1.ª Div 5.ª Jor. ...

Quarta-feira , Nov 04 2015
2040

1.ª D- Resumo do HC ...

Segunda-feira , Nov 13 2017
1474

ventosaterapia

SCPGuillemPerezSporting

O treinador de hóquei em patins do Sporting CP, Guillem Pérez, lamentou derrota caseira na Liga Europeia frente ao Forte dei Marmi por 5-7.
«O treinador do Sporting CP, Guillem Pérez, mostrou-se desapontado com o desaire caseiro dos leões, frente ao Forte dei Marmi, em partida da 3.ª jornada da Liga Europeia de hóquei em patins: "Hoje, o Forte não fez nada para ganhar este jogo. Fomos nós que permitimos que eles crescessem. A raça e a intensidade têm que estar muito elevadas e, só assim, se podem ganhar estes jogos."
Elogiando o início dos leões, com três golos sem resposta, Pérez expressou o desagrado com a incapacidade da equipa em gerir o jogo de forma mais conveniente: "Começámos muito bem. Contudo, não podemos permitir que eles tenham o ritmo que eles querem. Tínhamos conversado sobre isto durante esta semana. O jogo tem que ser no nosso ritmo, que é mais baixo que o deles, sempre prontos a sair para o contra-ataque."
A fechar, o técnico espanhol salientou a ambição em recuperar este desaire com uma vitória em Itália, garantindo que os adeptos podem contar com um Sporting CP capaz de vencer o Reus, Quévert e Forte dei Marmi e carimbar o apuramento para os quartos-de-final da Liga Europeia.
"Vamos a Itália e a França para vencer. Com o Reus, em casa, o apoio dos nossos adeptos vai permitir-nos conquistar a vitória, certamente. Vamos estar na luta e continuar a trabalhar, porque somos o Sporting CP. Todos os jogadores sabem o peso deste Clube e sentem-no, na cabeça e no coração", concluiu.»

Fonte: Sporting CP

workshops para rodapé Noticias EscovaProgressiva