a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Jordi Bargalló renova ...

Quinta-feira , Jun 30 2022
3

Nicolía reagiu à ...

Quinta-feira , Jun 30 2022
5

Play-Off- Jogo 5- resumo ...

Quinta-feira , Jun 30 2022
6

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
62087

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30882

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
25034

Igor Alves reforça ...

Domingo , Ago 26 2018
2202

Taça Cers - Valença HC ...

Quinta-feira , Nov 23 2017
1492

Giulio Cocco- “Sempre ...

Sexta-feira , Mar 23 2018
1373

massagista inicial

Rafa Baliu Vitor Hugo fcp slb sueprtaca 240916

AJ Viana – FC porto 4-8

O FC Porto Fidelidade continua a dar-se bem com os ares de Viana do Castelo. Na noite deste sábado, saiu do Pavilhão de Monserrate com mais uma vitória (8-4), a nona consecutiva em casa da Juventude Viana, a segunda no Campeonato Nacional que o coloca entre o grupo de equipas com seis pontos. Um “bis” de Vítor Hugo, outro de Ton Baliu e os golos de Gonçalo Alves, Jorge Silva, Reinaldo García e Telmo Pinto deram o melhor seguimento à estreia vitoriosa (4-2) na prova, há uma semana, frente ao Óquei de Barcelos (4-2), no Dragão Caixa.
Menos de um mês depois, os dois emblemas voltaram a cruzar-se. A última vez foi na pré-temporada, na Elite Cup, os Dragões venceram folgadamente por 9-2, mas quem marcou primeiro foram os minhotos. Foi exatamente o que aconteceu desta vez, a Juventude Viana adiantou-se por intermédio de Tó Silva (6m), e o empate surgiu pelo stick de Gonçalo Alves (8m). O experiente hoquista dos vianenses voltaria a colocar os anfitriões em vantagem (10m), novamente na sequência de um contra-ataque, que aproveitava as dificuldades iniciais dos azuis e brancos para ultrapassar o bloco baixo do adversário.
Tudo mudou quando o FC Porto acertou as marcações, conseguiu circular melhor a bola e passou a ser mais agressivo no ataque. Os golos Jorge Silva, primeiro (11m), e Vítor Hugo, depois (15m), viraram o resultado a favor dos Dragões, que mais tarde chegavam ao 4-1 graças a um grande golo de Ton Baliu, num remate pleno de oportunidade (18m). Lá atrás, Carles Grau, desta vez o dono da baliza azul e branca, também foi importante, ao defender um penálti e um livre direto. O guarda-redes catalão já nada pôde fazer quando Nélson Pereira lhe surgiu pela frente e reduziu a vantagem da formação orientada por Guillem Cabestany. Faltava um minuto para o intervalo e por um golo as duas equipas chegavam separadas ao intervalo.
A Juventude Viana regressou dos balneários determinada a chegar ao empate, até esteve perto, mas foram os Dragões que em dois minutos marcaram outros tantos golos: um com a assinatura de Vítor Hugo, que “bisava” na partida (31m), e outro de Reinaldo García (33m). Já depois de Grau defender mais um penálti, Telmo Pinto também quis inscrever o seu nome da lista de marcadores do jogo (40m) e colocou o FC Porto a vencer por quarto golos de diferença a dez minutos do fim. Estava bem encaminhado o primeiro triunfo azul e branco fora de casa no campeonato que nem um remate certeiro de Diogo Fernandes logo a seguir (41m) foi capaz de ameaçar, até porque Ton Baliu ainda teve tempo para imitar Vítor Hugo e estabelecer o resultado final (45m).
O FC Porto volta a entrar em campo no próximo domingo, às 16h00, no Dragão Caixa, frente ao Valença, emblema que esta época foi promovido ao principal escalão da modalidade. O jogo tem transmissão assegurada no Porto Canal.

FICHA DE JOGO


Árbitros: João Duarte e Luís Peixoto (Lisboa)

JUVENTUDE VIANA: Jorge Correia (cap.); Francisco Silva, Tó Silva, Diogo Fernandes e Nélson Pereira
Jogaram ainda: Gustavo Lima, Nuno Félix (cap.), Gonçalo Suíssas e Nuno Santos
Treinador: Renato Garrido

FC PORTO FIDELIDADE: Carles Grau (g.r.), Reinaldo Garcia, Hélder Nunes (cap.), Gonçalo Alves e Ton Baliu
Jogaram ainda: Jorge Silva, Vítor Hugo, Rafa e Telmo pinto
Treinador: Guillem Cabestany

Ao intervalo: 3-4
Marcadores:Tó Silva (6m, 10m), Gonçalo Alves (8m), Jorge Silva (11m), Vítor Hugo (15m, 31m), Ton Baliu (18m e 45m), Nélson Pereira (24m), Reinaldo García (33m), Telmo Pinto (40m) e Diogo Fernandes (41m)
Disciplina: cartão azul a Ton Baliu (22m) e a Tó Silva (46m)

Fonte / Foto – www.fcporto.pt

workshops para rodapé Noticias VernizGel