a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Barcelona impõe derrota ...

Sábado , Dez 14 2019
22

Porto derrotado pelo Noia

Sábado , Dez 14 2019
19

Verona- “O Sporting CP ...

Sexta-feira , Dez 13 2019
81

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
57757

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25651

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20427

Campeonato Nacional de ...

Segunda-feira , Nov 07 2016
1912

Resumo 1/2 Taça Europeia ...

Sábado , Mar 17 2018
579

HC Braga e o Título ...

Domingo , Jul 27 2014
2243

interioresinteriores

SportingCERS

O Sporting CP é o atual detentor da Taça CERS de Hóquei em Patins, depois de na final do ano passado ter batido o Réus por 4-3 na final da edição do ano passado, procurando no próximo fim de semana relavidar o troféu, numa Final4 que se disputará em Barcelos, no Pavilhão Municipal de Barcelos, começando frente aos espanhóis do CP Vilafranca, o adversário da meia-final agendada para as 21h45 de sábado. Os leões serão certamente o "alvo a abater", numa prova que além dos leões e dos espanhóis do Vilafranca conta também com o OC Barcelos e o Matera, que se enfrentarão na primeira partida do dia agedada para as 19h. A grande final, destinada aos vencedores das partidas a realizar no sábado, será disputada pelas 18h30, já no domingo e a dois dias da competição, João Pinto, autor de dois dos golos leoninos na edição anterior, em antevisão ao site www.rpt.pt, afirma que o objetivo passa por "voltar a levantar o troféu". 

"O objetivo passa por levantar o troféu, somos os detentores. Das 4 equipas presentes, todas elas se arriscam a ganhar, porque depois de chegarem à Final4, qualquer uma pode ganhar." Relativamente a favoritismos, o jogador puxa dos galões, embora ciente de que todas têm condições para ganhar. "Tendo em conta o palmarés do Sporting e o facto de sermos os detentores do troféus, seremos certamente um «alvo a abater», mas o favoritismo deve ser repartido por todos, sem esconder a nossa responsabilidade em defender o troféu anteriomente conquistado, pois os jogadores do Sporting estão habituados a lidar com esse estatuto e essa responsabilidade."

Foto: Marzia Cattini