P1010003

S Alenquer B – SC Tomar – 1-5

A contar para a 11.ª jornada do nacional da segunda divisão, o SC Tomar somou mais uma vitória desta feita na deslocação à Vila Presépio onde bateu o S Alenquer B por 5-1, num jogo onde Ivo Silva marcou três dos golos da equipa ribatejana.
Jogo marcado por inicio equilibrado embora com ligeiro ascendente leonino. A equipa de Tomar inaugurou o marcador por Ivo Silva a desviar um remate frontal de meia distância de Hernani Diniz, estavam decorridos 12 minutos de jogo. Três minutos o mesmo jogador aumenta para 2-0 ao desviar junto ao segundo poste um passe de Pedro Martins.
O Alenquer não baixou os braços com Tocha e Pedro Lourenço a serem os mais inconformados, mas até ao intervalo o resultado não se alteraria.
Segunda metade com maior domínio leonino que de forma natural soube gerir, primeiro a vantagem, e depois conseguindo aumentar o score perante um Alenquer que com os minutos a correr foi perdendo discernimento, que acabou por ser bem aproveitado pelos jogadores de Nuno Domingues.
Ivo Silva aumentou para 3-0 logo ao segundo minuto da etapa complementar, e Hernâni Diniz ao minuto sete a colocar o score em 4-0 e praticamente sentenciando aí a partida. Mais serena e a conseguir gerir as incidências da partida, o SC Tomar deixou o tempo correr, perante um Alenquer que apostava cada vez mais em situações individuais para tentar importunar Daniel Leal.
O 5-0 chega ao minuto oito deste segundo tempo, por intermédio de Filipe Vaz, numa fase em que o SC Tomar jogava em vantagem numérica fruto da exclusão de Fábio Bogalho.
Até final várias oportunidades para os leões aumentarem a vantagem, numa altura onde a formação da casa sem grandes rigores tácticos procurava o golo de honra, que surgiu a três minutos do final da partida, apontado por Pedro Lourenço a desviar dentro de área um passe de um colega seu.
Triunfo justo da equipa que mostrou mais argumentos nos cinquenta minutos de jogo e soube de forma inteligente construir um resultado tranquilo ao longo da partida, e geri-lo da melhor forma. O Alenquer deixou suor em campo, mas em muitos momentos mostrou pouco acerto colectivo, em particular no segundo período, e que acabaria por ser bem explorado pela formação que viajou do Ribatejo, que com este triunfo mantem a liderança na prova com 27 pontos, mais dois que o Grândola.

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeSobrancelha