a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

OC Barcelos com criticas ...

Domingo , Set 19 2021
19

Rui Neto- “Encontrámos ...

Domingo , Set 19 2021
23

Paulo Freitas – “O grupo ...

Domingo , Set 19 2021
17

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61022

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
29243

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
23569

Guillem Perez- “É um ...

Sexta-feira , Fev 17 2017
1740

Escola de guarda-redes ...

Terça-feira , Dez 29 2015
1436

Hugo Sousa, Nuno Machado ...

Segunda-feira , Mai 23 2016
1736

05 Barbeiro Completo 500h Pluriform

11169889 1028804813797590 4791890211238874737 n

HC Turquel – CD Paço Arcos 4-6

O Turquel voltou a perder no seu recinto, somando a quarta derrota no “Caldeirão” desta feita frente ao Paço Arcos num jogo onde Miguel Dantes esteve endiabrado e acabou por ser um dos grandes responsáveis pelo triunfo da equipa da linha neste encontro.
Numa primeira parte a formação de João Simões entrou melhor, com Vasco Luís a inaugurar o marcador logo aos três minutos. O Paço de Arcos empataria aos sete minutos, mas até ao intervalo Pedro Vaz e “Xanoca” a colocarem o Turquel a vencer por 3-1 quando as equipas recolheram aos balneários para o respectivo descanso.
A reviravolta viria na segunda parte, e começou logo ao primeiro minuto desta etapa complementar por Nélson Ribeiro que reduziu para 3-2. Vasco Luís desperdiçou um LD a penalizar a 10.ª falta do Paço de Arcos, e pouco depois, aos 8 minutos “Xanoca” bisava, desta feita na marcação de um LD a castigar um CA mostrado a Miguel Dantas.
Foi nos últimos oito minutos da partida que a reviravolta no resultado aconteceria e aí Miguel Dantas esteve em “altas. João Beja reduziu aos 18 minutos, mas o gigante Miguel Dantas aos 20 e 21 minutos respectivamente a colocar a equipa do Paço de Arcos na frente do marcador pela primeira vez no marcador, colocando o resultado em 4-5. German Dates já nos segundos finais da partida vê cartão Azul e Miguel Dantas, chamado a marcar a respectiva falta sentenciou a partida ao fazer o 4-6.
Triunfo do Paço de Arcos que valeu pela forma como encarou o jogo, em particular na segunda metade, não desistindo de procurar um resultado positivo e que encontrou em Miguel Dantas o farol que iluminou a quarta vitória da formação orientada por Paulo Garrido, e aprimeira fora de portas, nesta temporada.

workshops para rodapé Noticias PenteadosdeNoiva