a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Barcelona impõe derrota ...

Sábado , Dez 14 2019
22

Porto derrotado pelo Noia

Sábado , Dez 14 2019
19

Verona- “O Sporting CP ...

Sexta-feira , Dez 13 2019
81

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
57757

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
25651

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
20427

Pedro Campanhã deverá ...

Sexta-feira , Jul 07 2017
1450

AP Minho e AD Limianos ...

Quinta-feira , Out 29 2015
961

Inter-Regiões- Setúbal ...

Sábado , Mar 28 2015
1381

interioresinteriores

hqdefault

​Dragões deslocam-se a Paço de Arcos na quarta jornada do campeonato (quarta-feira, 21h00)

​O registo, até ao momento, é imaculado: três vitórias em outros tantos jogos colocam o FC Porto Fidelidade na liderança do Campeonato Nacional, juntamente com Benfica, Oliveirense e Óquei de Barcelos. A quarta jornada da prova reserva uma deslocação ao pavilhão do Paço de Arcos, esta quarta-feira, às 21h00, e Vítor Hugo garantiu que a entrada menos intensa na goleada sobre o Iserlohn (21-1), para a Liga Europeia, não se repetirá frente ao actual sétimo classificado.

 “Sabemos que não podemos entrar relaxados em nenhum jogo e o nosso treinador já nos avisou disso. Estamos preparados para entrar forte, sabendo que vamos defrontar uma equipa organizada e que costuma criar-nos dificuldades a jogar no seu pavilhão. Estamos a melhorar de jogo para jogo e creio que isso é notório. Já estamos num patamar elevado”, afirmou o avançado dos Dragões, ao Porto Canal e www.fcporto.pt, na antevisão do próximo compromisso interno da equipa comandada por Guillem Cabestany.

Reconhecendo ser natural a mudança de chip num espaço de poucos dias, Vítor Hugo falou ainda do excelente arranque de temporada do FC Porto, reflectido nos muitos e bons golos marcados até agora. “Temos que estar preparados para qualquer jogo, seja qual for a competição. O último poderia ter sido difícil, mas nós tornámos as coisas fáceis. A equipa está num bom momento, tal como eu, e os golos vão aparecendo naturalmente. Estamos todos tranquilos e trabalhamos todos os dias para vencer todos os jogos que disputamos”, concluiu o número 58 portista.

Fonte: www.fcporto.pt

workshops para rodapé Noticias ExtensãodeSobrancelha