a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

Duas Caras novas e uma ...

Domingo , Mai 31 2020
92

Paolo Dias vai reforçar ...

Sábado , Mai 30 2020
175

Luís Viana " Zorro " ...

Sábado , Mai 30 2020
228

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
58777

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
26629

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
21235

Jordi Adroher: ...

Sexta-feira , Mar 09 2018
715

Benfica domina ...

Terça-feira , Set 09 2014
3028

WRG 2019 - Seleção ...

Domingo , Jul 07 2019
629

pluri unhas J

140824 portugal-austria 14

Portugal – Suíça 6-1

Portugal venceu esta tarde a Suíça por 6-1 mas teve que se aplicar para não ser surpreendida pela formação orientada por Federico Garcia Mendez, que defendeu como pode para contrariar o favoritismo luso nesta partida.
A mandar na partida desde o apito inicial, a formação portuguesa encontrou uma Suíça que defendia à zona, com mobilidade, marcando bem os jogadores lusos, e que aproveitava para chegar à baliza defendida por Tiago Rodrigues em contra ataques quase sempre perigosos.
E foi a equipa helvética a ter a primeira grande oportunidade ao beneficiar de uma GP mas o guardião luso defendeu o remate de Fabian Althaus. O jogador suíço não marcou nessa situação, marcou quase a seguir na sequência de um contra ataque, estavam decorridos 10 minutos de jogo.
A resposta lusa veio poucos minutos depois com Gonçalo Nunes a não perdoar na marcação de uma GP, fazendo o empate na partida, havia 7 minutos de jogo. E seria o mesmo jogador a colocar Portugal na frente do marcador a 3.30 do intervalo, mais uma vez de grande penalidade e a dar um ar de alguma justiça ao que se estava a desenrolar em rinque.
Reinicio de jogo na segunda metade com Portugal a manter-se sempre por cima, controlando a partida e a encostar o seu adversário para o seu meio rinque. E mais tarde ou mais cedo o golo acabaria por aparecer com Gonçalo Pereira a aproveitar uma defesa incompleta para aumentar para 3-1, estavam decorridos 4 minutos de jogo. Gonçalo Nunes de meia distância a não dar hipóteses ao guardião helvético a aumentar para 4-1, havia metade deste período para se jogar.
Até final, controlo de jogo por parte da equipa de Luís Moreira que geriu bem as incidências e manteve sempre o controlo do jogo, não dando muitas veleidades ao conjunto que viajou da Suíça.
Ainda tempo de Gonçalo Nunes facturar por mais duas vezes e sempre da mesma forma- à “bomba” com dois remates fortíssimos ainda antes do meio rinque, fazendo o 6-1 e o “póquer” para a sua conta pessoal.
Triunfo sem mácula dos jovens “Ursinhos” que somam agora 9 pontos nas três partidas realizadas, garantiram já o apuramento para as meias finais e defrontam amanhã a selecção transalpina no encontro que pode decidir o primeiro lugar do Grupo A deste Europeu de Sub-17.

Foto: Marzia Cattini