a c e b o o k
  • This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

 

  • Hot
  • Top
  • Outras

A lei do mais forte ...

Sábado , Jan 22 2022
6

2.ª Sul- Muches e ...

Sábado , Jan 22 2022
4

TP- Oeiras segue para os ...

Sábado , Jan 22 2022
12

Hóquei fica mais pobre

Segunda-feira , Jul 30 2018
61635

Patinagem reconhecida ...

Segunda-feira , Nov 09 2015
30158

CM Feminino- Portugal ...

Sábado , Out 01 2016
24454

HC Turquel já voltou ao ...

Domingo , Set 02 2018
1529

Xavier Duro será o ...

Sexta-feira , Jul 03 2015
2113

Convocatória Seleção ...

Sexta-feira , Out 31 2014
2981

3 Cabeleireiro Inicial

Terronia

35Alemanha

Decorre hoje a 4.ª Jornada do Campeonato Europeu de Hóquei em Patins 2014, em Alcobendas – Madrid, com a França a perder com a Alemanha por 1-4, na primeira partida do dia. A partida começou equilibrada, com a França a assumir as despesas do jogo, com maior posse de bola, enquanto a Alemanha ia defendendo, sempre compacta, explorando o avanço da França no terreno. À semelhança de ontem, os Alemães começaram na frente e logo aos 17' para o intervalo, Kevin Karschau fez o 0-1, deixando a Alemanha em vantagem. A história repetia-se e a França ia construindo e falhando ocasiões de golo, com a Alemanha a aproveitar para chegar ao golo, por Karschau, que bisou e aumentou para 0-2, a 13' do intervalo. A França tentava responder, mas num novo contra-ataque Alemão, o jogador da Alemanha é travado em falta na área Francesa, com Robin Schulz a não perdoar, na cobrança do penalti e a fazer o 0-3, deixando a Alemanha com uma excelente vantagem, a 11 minutos do descanso. Apesar das contrariedades, a França não baixou os braços e logo na jogada seguinte, Cirilo Garcia é travado em falta dentro da área. Na cobrança do respetivo penalti, o jogador Francês não foi capaz de bater Patrick Glowka (Gr), que segurou a vantagem. A França ganhou aqui algum alento e acabou por conseguir reduzir, a 8 minutos do intervalo, por intermédio de Wilfried Roux, que num golo de belo efeito, fez 1-3, resultado com que se chegou ao intervalo. A segunda parte começou com as equipas a tentarem prolongar a posse de bola no ataque, mas os guarda-redes, que estiveram sempre em bom plano, iam respondendo à altura e a Alemanha ia gerindo a vantagem, adiando ao máximo a 10.ª falta. A dita falta surgiu a 14 minutos do final, dando lugar ao consequente livre direto, que Carlo Di Benedetto tentou converter, mas Patrick Glowka (Gr) voltou a negar o golo. Além desta, o guarda-redes Germânico, evitou muitas outras situações, não permitindo que a França conseguisse reduzir a desvantagem e mesmo a dois minutos do final, a França ainda dispôs de uma oportunidade para reduzir, num livre direto a castigar a 15.ª falta Alemã, mas Mathieu Le Roux não foi capaz de fazer golo e na sequência do lance, dois jogadores Franceses acabaram excluídos da partida, com a Alemanha a aproveitar para aumentar a vantagem para 1-4, já nos últimos segundos da partida, conseguindo assim a sua primeira vitória na competição.

Pavilhão Desportivo Amaya Valdemoro

França 1*4 Alemanha

França
Alan Audelin (GR), Mathieu Le Roux, Anthony Le Roux, , Florent David, Carlo Di Benedetto; Wilfried Roux (1), Cirilo Garcia (c), Corentin Turluer, Corentin Le Polodec, Xavier Tanguy (GR).
Selecionador: Fabien Savreux.

Alemanha
Patrick Glowka (GR) Max Hack, Lucas Karschau Kevin Karschau (c) (2), Liam Hages (1), Robin Schulz (1), Jorge Fonseca, Kai Milewski, Sérgio Pereira e Philipp Leyer (GR).
Selecionador: Marc Berenbeck.

Faltas: 10-15